Siga nossas redes

Análise

Morning Call: bolsas de Nova York e da Europa em direções opostas

Os principais fatos que podem impactar os mercados hoje e um breve resumo do fechamento das bolsas ontem.

Publicado

em

Destaques:

  • Dentre os principais dados de hoje, teremos: balança comercial chinesa, relatório mensal de petróleo da Opep e produção industrial na Zona do Euro; 
  • Aqui no Brasil, o IBC-Br de maio, mede a reação da economia, após o fundo do poço em abril;
  • Agora pela manhã, os futuros de Nova York sobem antes da divulgação dos balanços de bancos (JP Morgan, Wells Fargo e Citigroup), após a divulgação de crescimento de importações e exportações na China. O S&P 500 futuro sobe em torno de (+0,35%);
  • As bolsas europeias caem refletindo o aumento de casos relacionados a pandemia que levou ao fechamento de atividades comerciais nos EUA, divulgado ontem, quando a Europa já estava fechada.

* Conheça o canal gratuito do Espaço Trader Easynvest no Telegram totalmente dedicado à Renda Variável. Tudo que você precisa para tomar as melhores decisões de investimentos, na palma da sua mão! Clique aqui

Brasil:

  • Ontem, anúncio de que a Califórnia (EUA), irá voltar atrás e fechar estabelecimentos diante do aumento de casos de covid-19, puxou o índice Bovespa novamente para baixo dos 100 mil pontos;  
  • O viés é positivo, mas o início da temporada de resultados corporativos do segundo trimestre e impactos de uma segunda onda da pandemia, podem frear o fôlego das bolsas;
  • Cotação: o Ibovespa fechou na mínima com queda de (-1,33%), a 98.697,06 pontos, após máxima de 100.857,68 pontos. O giro financeiro somou R$ 21,34 bilhões.

Análise Gráfica – IBOV: 

  • No gráfico diário do índice Bovespa, ao tentar avançar além dos 100 mil pontos, o IBOV sente o peso da resistência neste nível e volta a recuar. Porém este movimento de correção ainda não muda o padrão gráfico atual, que se mantém numa tendência de alta, porém não podemos descartar correções mais acentuadas, no curto prazo;
  • Conforme estamos comentando diariamente, o índice precisará de novos fatos positivos para se consolidar rapidamente acima dos 100 mil ou isso poderá acontecer de forma lenta e mais sofrida;
  • Resistência: 100.000 (nível que a força vendedora pode se intensificar)
  • Suporte: 93.300 (nível que a força compradora pode se intensificar)

EUA: 

  • Na reta final do pregão de ontem, as bolsas de NY perderam os fortes ganhos, acima de +1%, após fatos inesperados, mas premeditados em relação ao fechamento de algumas atividades comerciais na Califórnia, estado de maior representatividade no PIB americano;  
  • Cotação: o Dow Jones fechou estável (+0,04%), o S&P 500 recuou (-0,93%), para 3.155,35 pontos e o Nasdaq perdeu (-2,13%).

Europa: 

  • Até o início da tarde, as bolsas europeias acompanharam Wall Street animadas com o avanço de vacinas e temporada de resultados corporativos e fecharam em alta, ontem;
  • Cotação: a bolsa de Frankfurt subiu (+1,25%), Londres (+1,29%), Paris (+1,73%) e Madri (+1,43%).

Ásia:  

  • Mais cedo, o recuo na retomada da Califórnia prevaleceu nas bolsas asiáticas sobre os dados positivos da balança comercial chinesa;
  • Cotação: Xangai (-0,83%), Hong Kong (-1,14%), Nikkei (-0,87%), Kospi de Seul (-0,11%);

Dólar:

  • A moeda americana ganhou força na reta final do pregão, após a tensão com os riscos de uma segunda onda da covid-19, levando os investidores a buscar por proteção;
  • Cotação: na lista das principais divisas globais, o Real teve o pior desempenho, com o dólar comercial fechando em alta de (+1,28%) aos R$ 5,39.

Commodities:

  • Petróleo: tipo Brent para setembro fechou em queda de 1,20%, a US$ 42,72 o barril;
  • Ouro: para agosto fecha em alta de 0,70%, a US$ 1.814,10 a onça-troy.

Indicadores:
Brasil:

  • IBC-Br (maio) (Banco Central)

EUA:

  • Inflação ao consumidor (junho) (IPC)

Europa:

  • Zona do Euro: Índice de sentimento econômico (ZEW)
  • Zona do Euro: Produção industrial  
  • Reino Unido: Produção Industrial
  • Reino Unido: Taxa de desemprego

Ásia:

  • China: Balança Comercial
  • Japão: Produção Industrial

* Esse é um conteúdo de análise de um especialista de investimentos da Easynvest, sem cunho jornalístico. 

Mantenha seu padrão de vida mesmo depois de aposentar. Invista na Previdência Privada Easynvest!

Anúncio Patrocinado Não corra o risco de faltar dinheiro lá na frente. Não corra o risco de faltar dinheiro lá na frente.

O InvestNews é um canal de conteúdo multiplataforma que oferece a cobertura diária de notícias e análises sobre economia, investimentos, finanças, mercado financeiro, educação financeira, projeções, política monetária e econômica. Tudo o que mexe com o seu dinheiro você encontra aqui, com uma linguagem simples e descomplicada sobre o mundo da economia e dos investimentos.