Siga nossas redes

Análise

Morning Call: Ibovespa renova esperança acima dos 100 mil pontos

Os principais fatos que podem impactar os mercados hoje e uma breve análise do índice Bovespa.

Publicado

em

Destaques:

  • Os mercados globais abrem o dia em alta, embalados pela produção industrial da China, que subiu 5,6% em agosto na comparação com o mesmo mês do ano passado;
  • O índice de confiança econômica (ZEW) da Alemanha e na Zona do Euro mostraram números positivos para a economia; Além disso, os investidores ganharam um sentimento positivo após anunciado novos termos na fusão da Fiat Chrysler com a francesa Peugeot;
  • As bolsas sobem na Europa, assim como os índices futuros em Nova York; Há instantes, a bolsa de Frankfurt subia 0,28%, Londres (+1,08%), Paris (+0,48%); em Wall Street, o S&P 500 avança 0,70% e a Nasdaq (+0,79%);
  • Mais cedo, as bolsas asiáticas fecharam mistas: Xangai (+0,51%); Hong Kong (+0,38%); Tóquio (-0,44%).

Cenário global e bolsa brasileira ontem:

  • A notícia de que a Oxford/AstraZeneca retomará os testes clínicos da vacina contra a Covid e a melhora nas relações entre EUA e China contribuíram para um dia otimista nas principais bolsas globais;
  • Além disso, em NY, os investidores esperam que na reunião do Fed na quarta-feira, a decisão de política monetária confirmará a estratégia de manutenção dos juros baixos por longo prazo;
  • Aqui, o Ibovespa conseguiu recuperar os 100 mil com a melhora dos bancos, para fechar a 100.274,52 pontos (+1,94%), com volume financeiro abaixo da média, somando R$ 24 bilhões;
  • O noticiário corporativo pesou ontem e evitou uma alta ainda maior da bolsa brasileira. Petrobras, com grande peso no índice, fechou em queda de 0,91% após ação no STF que pediu a suspensão da venda das refinarias, o que contraria a estratégia de desinvestimentos da companhia;
  • Destaque de alta: Yduqs (+7,96%), após manifestar a intenção de fazer proposta mais atraente pelos ativos da Laureate, disputados também pela Ser Educacional;  
  • Destaque de baixa: PetroRio (-1,41%), com a queda no preço do petróleo no mercado internacional;

Análise Gráfica – IBOV:

  • No gráfico diário do índice Bovespa, o movimento de ontem foi muito importante e animador, ao fechar acima dos 100 mil pontos. Até aqui, o IBOV respeitou a média móvel longa de 200 períodos, mas ainda precisa consolidar-se acima da média de 21 períodos para dar um viés mais positivo no curto prazo. O movimento foi positivo, porém não muda nada no padrão gráfico atual;
  • Suporte: 97.750 (mínima de 11 de setembro)
  • Resistência: 105.500 (máxima do dia 21 de julho)
Indicadores
Brasil:
Copom (primeiro dia de reunião)
EUA:
Estoques de petróleo (API)
Índice Empire State de atividade industrial (Fed de NY)
Produção Industrial 
Europa:
Zona do Euro: Índice de confiança econômica (ZEW) 
Alemanha: Índice de confiança econômica (ZEW)
Reino Unido: Taxa de Desemprego

* Esse é um conteúdo de análise de um especialista de investimentos da Easynvest, sem cunho jornalístico. 

Liquidez, diversificação e altos lucros em um só investimento com Taxa Zero de corretagem. Invista em ETFs pela Easynvest!

Anúncio Patrocinado Não corra o risco de faltar dinheiro lá na frente. Não corra o risco de faltar dinheiro lá na frente.

O InvestNews é um canal de conteúdo multiplataforma que oferece a cobertura diária de notícias e análises sobre economia, investimentos, finanças, mercado financeiro, educação financeira, projeções, política monetária e econômica. Tudo o que mexe com o seu dinheiro você encontra aqui, com uma linguagem simples e descomplicada sobre o mundo da economia e dos investimentos.