Siga nossas redes


Alimente o Bem: leve conforto e carinho para moradores de rua

Publicado

em

Qual é a iniciativa?

O Alimente o Bem, foi idealizado em janeiro de 2019, por Mayara Altebarmaquian e Thais Holanda. As duas amigas, que estavam acostumadas a fazer trabalhos de filantropia começaram a se questionar qual seria a melhor alternativa para ajudar pessoas em situação de rua na região onde residiam.

Moradoras de Osasco (SP) elas reuniram dez amigos e criaram o Alimente o Bem. “Procurávamos algo que transformasse a nossa comunidade. Reunimos dez amigos e no dia 17 de março de 2019 nasceu o nosso projeto”, conta Mayara.

O Alimente o Bem começou distribuindo 50 marmitas, com suco, água e sobremesa para moradores de Osasco e Carapicuíba. Todo segundo domingo do mês. os amigos se juntavam e faziam a distribuição, começando pela Praça Marquês do Herval, em Osasco, local com grande concentração de pessoas em situação de vulnerabilidade.

Com o tempo o grupo foi crescendo e também as doações. Além de marmitas, as pessoas de rua recebiam mochilas com acessórios para cada necessidade. Fraldas, produtos de higiene, roupas, entre outros.

Todo mês o grupo abre vagas para 12 voluntários. Eles auxiliam na produção dos kits, entrega dos lanches e atividades. A equipe oficial do Alimente o Bem tem 7 pessoas, estas dividem suas obrigações entre cozinhar, organizar as doações de roupas, cuidar das redes sociais e distribuir as marmitas. O projeto entrega em média 120 marmitas mensalmente. Desde a sua fundação, o Alimente o Bem já distribuiu 1440 refeições e 2000 peças de roupa. Com a pandemia, os esforços se intensificaram.

Quem é beneficiado?

Os beneficiários do projeto são moradores das ruas de Osasco e Carapicuíba. Contudo, com a crise do Covid-19 o Alimente o Bem decidiu também ajudar igrejas e instituições que precisam de roupas ou alimentos. “Percebemos que outras pessoas nos bairros estavam passando necessidade, por este motivo em maio vamos distribuir cestas básicas”, explica Mayara.

Para proteger a saúde durante a quarentena, o grupo não tem se reunido desde abril, e nem aceitado novos voluntários. Os encontros passaram a ser virtuais. “Criamos uma vakinha para que as pessoas que desejem contribuir ajudem com as cestas básicas”, afirma a fundadora. A próxima entrega acontecerá no dia 17 de maio, e será realizada apenas pelos coordenadores.

Como ajudar

Para ajudar o projeto Alimente o Bem, você pode contribuir com qualquer valor na vakinha. Ou fazer chegar qualquer alimento, roupa, para os coordenadores.

Você também pode incentivar este tipo de iniciativas compartilhando nas redes sociais com os seus amigos. Acesse o Instagram e Facebook do projeto.

Anúncio Patrocinado Não corra o risco de faltar dinheiro lá na frente.
Anúncio Patrocinado Fundo de investimento com taxas que cabem no seu bolso!

O InvestNews é um canal de conteúdo multiplataforma que oferece a cobertura diária de notícias e análises sobre economia, investimentos, finanças, mercado financeiro, educação financeira, projeções, política monetária e econômica. Tudo o que mexe com o seu dinheiro você encontra aqui, com uma linguagem simples e descomplicada sobre o mundo da economia e dos investimentos.