Siga nossas redes

Análise

Morning Call: apesar do receio com inflação nos EUA, bolsas operam em alta

Os principais fatos que podem impactar os mercados hoje e uma breve análise do índice Bovespa.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 3 minutos

Gráfico de ações

Cenário global e bolsa de valores

As bolsas internacionais tem uma sexta feira positiva em sua maioria. Na Ásia, a bolsa de Tokyo teve alta de 1,13% com influência de ações de montadoras como Toyota, Honda e Nissan pelas perspectivas de aumento em suas produções globais. O índice de Shanghai fechou o dia com +0,18%, Hangseng fechou em +0,32% e Coréia do Sul com +1,50%.

Na Europa, foi divulgada a produção industrial da zona do Euro que apresentou uma leve queda de 0,2% em setembro após a queda de 1,7% de agosto. Na comparação anual, a alta passada de 4,9% em agosto para 5,2% em setembro. Os 2 resultados ficaram melhores que as expectativas de mercado que esperavam uma queda de 0,5% na comparação mensal e uma alta de 4,1% na anual. O índice da bolsa alemã opera com alta de 0,23%, Reino Unido com -0,49%, França com +0,30%, Espanha com -0,30% e o índice Euro Stoxx tem +0,15%.

Mesmo com a preocupação da alta da inflação tanto no PCI como no núcleo no índice que vem sendo acompanhados pelos mercados em todo mundo, os futuros nos EUA operam em alta com Nasdaq +0,21%, S&P500 +0,13% e Dow Jones +0,16%. A inflação dos EUA em outubro atingiu os 6,2% em 12 meses com o maior resultado em 30 anos enquanto a medição do núcleo do índice, que exclui alimentos e energia, apresenta alta acumulada em 12 meses de 4,6%.

As commodities tem um dia de queda com Ouro -0,74%, Petróleo Brent -1,45%, Petróleo WTI -1,70%, Milho com +0,28%, Minério de Ferro +1,56% e Bitcoin com -2,37%.

Cenário no Brasil

As vendas no varejo em setembro no Brasil apresentaram uma queda de 1,3%, pior que a projeção de queda de 0,6% do mercado, após a queda de 3,1% de agosto. Na comparação com o mesmo período de 2020, a queda anualizada passada de 4,1% para 5,5% também pior que a expectativa de 4,3% pelo mercado mas mesmo com os dados, a quinta feira foi um dia positivo com Ibovespa em alta, dólar em queda e arrefecimento da curva de juros.

Hoje serão divulgados os dados do crescimento do setor de serviços em setembro pelo IBGE e a confiança do consumidor pela CNI, que devem ser incorporados pelo mercado para que os investidores tenham uma atualização do cenário atual.

Ibovespa

Fonte: Tradingview

O índice se aproxima da importante região dos 107.800 pontos onde está a média diária de 21 períodos. Caso o patamar seja mantido ou superado hoje, esse pode ser um forte sinal de uma reversão de curto prazo para próximo dos 109.700 pontos. Observando em um período gráfico maior, o índice estava bem afastado na sua média semanal de 21 períodos, indicando que um possível movimento de correção poderia acontecer quando na semana passada o índice teve um desempenho positivo.

Indicadores econômicos e eventos

Brasil
Balanços de Ser educacional, antes da abertura, e de CVC e Comgás
IBGE: Pesquisa Mensal de Serviços
CNI: Confiança do Empresário Industrial
EUA
Relatório de emprego Jolts
Sentimento do consumidor
Poços Baker Hughes de petróleo em atividade
Zona do Euro
Produção industrial em setembro

Veja também:

Quer segurança e rentabilidade acima da poupança para seus investimentos? Invista em CDB!

Anúncio Patrocinado Probabilidades Samy Dana Probabilidades Samy Dana
ANÚNCIO PATROCINADO      Carteira de Dividendos Agosto

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Anúncio Patrocinado Cripto no App Nu