Siga nossas redes

Análise

Morning Call: Ibovespa consolida tendência de baixa, como esperado

Os principais fatos que podem impactar os mercados hoje e uma breve análise do índice Bovespa.

Publicado

em

Destaques:

  • Nesta manhã, os mercados globais oscilam sem direção única e próximos da estabilidade, na expectativa do primeiro debate presidencial nos EUA e dados de confiança do consumidor americano;  
  • No Brasil, o sentimento de deterioração fiscal é o foco principal dos investidores, após proposta do governo de financiar o Renda Cidadã com recursos do Fundeb e o chamado pelos críticos de “calote” na dívida dos precatórios, justificando que não prejudicará o teto dos gastos;
  • Ontem, as bolsas europeias tiveram o melhor pregão em três meses, mas hoje aguardam rodada decisiva da negociação de acordo comercial entre Reino Unido e União Europeia; Há instantes, o S&P 500 futuro subia em torno de 0,03%; Londres (-0,35%); Frankfurt (-0,39%); Paris (-0,06%).

Cenário global e bolsa brasileira ontem:

  • A bolsa brasileira fechou em direção completamente oposta das bolsas de NY ontem. Nada foi decidido sobre a reforma tributária e os recursos apontados para o programa social foram criticados entre investidores e políticos;
  • O Ibovespa bateu várias mínimas durante o pregão e perdeu os 95 mil pontos: caiu 2,41%, aos 94.666,37 pontos, menor nível desde 26 de junho;
  • No clima de paz, em Nova York, os investidores apostaram no fechamento de um pacote de ajuda para combater o coronavírus e acreditam que a matéria será votada na próxima semana;
  • Ações do setor financeiro foram destaques de alta em Wall Street, como JP Morgan (+2,92%), Citigroup (+3,17%) e Bank of America (+2,60%); O índice Dow Jones fechou em alta de 1,51%; S&P 500 (+1,66%); Nasdaq (+1,87%).

Análise Gráfica – IBOV:

  • No gráfico diário do Índice Bovespa, o pregão de ontem foi bem negativo ao fechar abaixo dos 95.000 pontos;
  • A tendência de baixa vai se consolidando e alguns sinais já foram dados: I) Rompimento da linha de tendência de alta; II) Rompimento das médias móveis curta e longa; III) Perda de dois suportes; 100.000 e 95.000 pontos;    
Indicadores
Brasil:
Caged
IGP-M (setembro) (FGV)
IPP (IBGE)
Sondagem de Serviços (FGV)
Resultado Primário do Governo Central (Tesouro Nacional)
EUA:
Confiança do consumidor (Conference Board) (setembro)
Estoque de petróleo e derivados (API)
Estoques no atacado (Departamento do Comércio)
Preço de imóveis 
Primeiro debate entre Biden e Trump às eleições presidenciais, pela Fox News (22h)
Europa:
Zona do Euro: Confiança do consumidor (setembro) 
Ásia:
China: PMI Industrial e Serviços (setembro)
Japão: Produção industrial / Vendas no varejo 

* Esse é um conteúdo de análise de um especialista de investimentos da Easynvest, sem cunho jornalístico. 

Ganhe dinheiro sem sair de casa. Invista pela Easynvest!

Anúncio Patrocinado Não corra o risco de faltar dinheiro lá na frente. Não corra o risco de faltar dinheiro lá na frente.

O InvestNews é um canal de conteúdo multiplataforma que oferece a cobertura diária de notícias e análises sobre economia, investimentos, finanças, mercado financeiro, educação financeira, projeções, política monetária e econômica. Tudo o que mexe com o seu dinheiro você encontra aqui, com uma linguagem simples e descomplicada sobre o mundo da economia e dos investimentos.