Siga nossas redes

Análise

Morning Call: tensões com o aumento de casos da covid pressionam bolsas de NY

Os principais fatos que podem impactar os mercados hoje e um breve resumo do fechamento das bolsas ontem.

Publicado

em

Destaques:

  • Nesta manhã, tensões relacionadas ao aumento de casos da covid nos EUA, pressionam as bolsas de Nova York e derrubaram as bolsas na Ásia. Na Europa, as bolsas sobem, porém os mercados adotam um tom de mais cautela;
  • Há instantes, S&P 500 futuro caia em torno de  (-0,30%) e o índice europeu Stoxx 600 sobe (+0,62);
  • No Brasil, o principal dado é o IPCA de junho, que pode ser decisivo nas apostas de mais cortes ou não na taxa básica de juros (Selic).

* Conheça o canal gratuito do Espaço Trader Easynvest no Telegram totalmente dedicado à Renda Variável. Tudo que você precisa para tomar as melhores decisões de investimentos, na palma da sua mão! Clique aqui.

Brasil:

  • Como esperado, o índice Bovespa atingiu o patamar dos 100 mil pontos, porém a bolsa brasileira acompanhou Wall Street e não conseguiu sustentar este nível;
  • Pesaram no índice a correção das ações do setor bancário, siderurgia, mineração e da Petrobras;
  • Cotação: o índice Bovespa fechou em queda de (-0,61%), aos 99.160 pontos, com giro financeiro de R$ 20,9 bilhões.

Análise Gráfica – IBOV: 

  • No gráfico diário do índice Bovespa, após alcançar os 100 mil pontos (resistência), o índice acabou recuando;
  • Porém, este movimento de queda não foi relevante e podemos considerar até mesmo natural sempre que a bolsa brasileira chegar neste nível e assim poderá continuar até conseguir se consolidar acima da barreira psicológica dos 100 mil pontos;
  • O padrão gráfico não se altera, a tendência principal continua de alta e ao romper definitivamente os 100 mil, o próximo objetivo do índice Bovespa seria em torno dos 109 mil pontos;
  • Resistência: 100.000 (nível que a força vendedora pode se intensificar)
  • Suporte: 93.300 (nível que a força compradora pode se intensificar)

EUA: 

  • Apesar dos números de pedidos de seguro-desemprego semanal um pouco melhor do que o esperado, o temor com aumento de casos de coronavírus nos EUA ofuscou os dados de emprego;
  • Novamente a Nasdaq se descolou das outras bolsas, com novo recorde histórico de fechamento, subindo mais (+0,53%). O índice foi novamente puxado por Amazon (+3,35%), Microsoft (+0,74%) e Apple (+0,32%);
  • Cotação: o Dow Jones caiu (-1,39%) e o S&P 500 recuou (-0,56%), aos 3.152,05 pontos.

Europa: 

  • As bolsas europeias chegaram a abrir em alta, com a inflação maior na China (+2,5% em junho na base anual), mas não resistiram ao peso de Wall Street;
  • Cotação: a bolsa de Frankfurt caiu (-0,12%), Londres (-1,72%), Paris (-1,21%) e Madri (-1,25%).

Ásia:  

  • Mais cedo, o efeito covid derrubou todas as bolsas asiáticas;
  • Cotação: Xangai caiu (-1,95%), após oito dias consecutivos de alta, mas subiu (+7,3%) na semana (maior alta semanal em 5 anos); No Japão, o Nikkei fechou em baixa de (-1,06%), Hong Kong (-0,81%), Kospi de Seul (-0,81%).

Dólar:

  • Em mais um dia volátil no câmbio, com o dólar comercial oscilando entre a mínima de R$ 5,25 e a máxima de R$ 5,38, em um dia de ajustes pelo noticiário negativo sobre a pandemia da covid-19, com foco nos EUA;
  • Cotação: a moeda americana fechou estável, com leve queda de (-0,18%), cotado a R$ 5,34.

Commodities:

  • Petróleo: tipo Brent para setembro fechou em baixa de 2,17%, cotado a US$ 42,35 o barril;
  • Ouro: para agosto fechou em queda de 0,92%, cotado a US$ 1.803,80 a onça-troy.

Indicadores:
Brasil:

  • IPCA (IBGE) (junho)
  • IGP-M – 1ª leitura (julho) (FGV)
  • Pesquisa Mensal de Serviços – PMS (IBGE)

EUA:

  • Inflação (IPP)

Europa:

  • França: Produção Industrial
  • Itália: Produção Industrial

* Esse é um conteúdo de análise de um especialista de investimentos da Easynvest, sem cunho jornalístico.

Ganhar dinheiro com Ações pode ser bem mais fácil que parece. Invista pela Easynvest!

Anúncio Patrocinado Não corra o risco de faltar dinheiro lá na frente. Não corra o risco de faltar dinheiro lá na frente.

O InvestNews é um canal de conteúdo multiplataforma que oferece a cobertura diária de notícias e análises sobre economia, investimentos, finanças, mercado financeiro, educação financeira, projeções, política monetária e econômica. Tudo o que mexe com o seu dinheiro você encontra aqui, com uma linguagem simples e descomplicada sobre o mundo da economia e dos investimentos.