Siga nossas redes

Cafeína

Conheça os 10 melhores fundos de ações da década, segundo a Morningstar

Ranking selecionou os melhores desempenhos segundo o risco-retorno de diferentes fundos de investimento em um cenário de longo prazo.

Publicado

em

“Desempenho passado não reflete o desempenho futuro”. O jargão já conhecido no mundo dos investimentos nunca fez tanto sentido em um ano como o de 2020. Com uma pandemia no meio do caminho, como analisar o desempenho de diversas classes de investimentos em um ano tão atípico?

Partindo desse pressuposto, foi analisado o risco-retorno de distintos fundos de investimento em um cenário de longo prazo. A casa de análises Morningstar fez um levantamento a pedido do InvestNews com os melhores fundos de ações da última década, equalizado o retorno e o risco, usando a metodologia chamada Retorno Ajustado ao Risco da Morningstar (MRAR) . Mesmo que alguns fundos tenham oferecido aos seus cotistas retornos semelhantes, o que se expôs a menos risco foi considerado como melhor ativo.

Os filtros aplicados para o rating Morningstar Risk foram: ter um patrimônio líquido de pelo menos R$ 25 milhões; o número de cotistas ser superior a 50; ser composto por investidores de varejo ou qualificados; ser um fundo de gestores independentes (o que exclui os grandes bancos). O período abrange desde 1 de janeiro de 2010 até 31 de dezembro de 2020.

Veja abaixo a lista com os dez melhores fundos de ações da última década:

FundoNota MorningstarRentabilidade em 10 anos
Atmos Ações7,39757%
Dynamo Cougar5,09581%
IP Participações BDR4,83390%
Velt 304,63480%
IP Value Hedge BDR3,97318%
Squadra Long Biased3,85425%
Bresser Ações3,59440%
BTG Absoluto3,46458%
Bogari Value3,27456%
AZ Quest Small Mid Caps2,94581%

Entre as similaridades dos ativos, é notório o peso que as gestoras têm no mercado, o que reflete o bom histórico de administração. Segundo Valter Police, planejador financeiro e sócio da Fiduc, a seleção dos fundos de ações mostra, em maior parte, gestoras renomadas e consolidadas na indústria, como Dynamo, Squadra, Verde e AZ Quest.

“São gestores que sabem o que estão fazendo e, no longo prazo, é possível ver uma consistência do trabalho de gestão, mesmo que estes fundos tenham passado por altos e baixos ao longo deste período”. Devido à alta demanda, alguns destes fundos estão fechados para captação, o que não significa que não possam ser reabertos.

O fundo Atmos encabeça o ranking. Criado em 2009, sua aplicação mínima é de R$ 50 mil e ele é destinado a investidores qualificados – aqueles que têm mais de R$ 1 milhão investidos. O objetivo do Atmos é render acima da taxa de juros de longo prazo. Sua taxa de administração é de 1,85% e sua rentabilidade acumulada nos últimos dez anos foi de incríveis 757%. Em 2020, a cota do fundo valorizou mais de 14%.

Já o fundo Dynamo Cougar, que está na segunda posição do ranking, teve 581% de retorno em 10 anos – igual ao AZ Quest Small Mid Caps. Porém, o AZ ficou em último lugar no ranking. Isso é justificado devido ao maior risco apresentado pelo AZ em comparação com o Dynamo.

E o que são fundos de ações?

Eles são uma maneira mais simples de investir na bolsa. O investidor não precisa queimar a cabeça sobre quais empresas é melhor apostar ou tentar entender a melhor hora de comprar ou vender os papéis. Ao investir em um fundo, você delega essa responsabilidade para o gestor. É ele quem toma as decisões de quais papéis comprar ou vender, quando e em que quantidade.

Por isso os fundos de ações são uma alternativa para quem está começando na renda variável e busca uma rentabilidade maior que os investimentos em renda fixa.

Veja mais:
TUDO sobre os ETFS mais movimentados da BOLSA| BOVA11, SPXI11, DIVO11 e outros

Diversifique a sua carteira e deixe que um gestor especializado cuida pra você! Invista em Fundos de Investimento!

Anúncio Patrocinado Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem! Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem!

O InvestNews é um canal de conteúdo multiplataforma que oferece a cobertura diária de notícias e análises sobre economia, investimentos, finanças, mercado financeiro, educação financeira, projeções, política monetária e econômica. Tudo o que mexe com o seu dinheiro você encontra aqui, com uma linguagem simples e descomplicada sobre o mundo da economia e dos investimentos.