Siga nossas redes

Méliuz

MELIUZ ON NM
7,53
Reais (BRL - R$)
-1,44% Variação (Dia)
7,52 Mínimo (Dia)
7,63 Máximo (Dia)
Fechamento Anterior: 7,64
Abertura: 7,62

A Méliuz (CASH3) é uma empresa de tecnologia e cashback fundada em 2011, com foco em geração de valor através de portais parceiros e tecnologia de finanças. Desde seu IPO, em novembro de 2020, até o 1T22, o ativo havia valorizado 30%. É dona, dentre outras, da Picodi, Bankly, Melho Plano e IDinheiro.

História da Méliuz (CASH3)

A Méliuz foi fundada em Belo Horizonte, em 2011, como parte de um plano de startups. Em 2016, o aplicativo foi lançado e a empresa ganhou o prêmio de Startup do Ano pela Associação Brasileira de Startups.

Parcerias e aquisições da Méliuz

A companhia realizou a emissão de um cartão de crédito em parceria com o Banco Pan em 2019. A iniciativa inseriu a empresa no mercado financeiro e de crédito.

Em 2020, adquiriu a Picodi, Bankly, Promobit, Melhor Plano, Alter, Muambator e IDinheiro, assim como expandiu seus produtos para empréstimos e cartões de presente em lojas.

Ramos de atuação da Méliuz

A Méliuz atua no setor de cashback, solução financeira que remunera compradores que realizam as compras através dos espaços da empresa, como sites e aplicativos. A empresa lucra ao receber comissão sobre as vendas realizadas em seus veículos.

A partir de 2019, a empresa tem explorado o setor financeiro, com o lançamento de cartões em co-participação e linhas de crédito.

Ações da Méliuz (CASH3)

O IPO da Méliuz ocorreu em novembro de 2020, permitindo as aquisições naquele ano. Em julho de 2021 foi feito o primeiro follow-on, com 100% de tag along entre os acionistas, angariando mais R$ 420 milhões

No 1T22, houve um total de 300 mil ofertas compradas pelo aplicativo e mais de 23 milhões de contas abertas.

Principais acionistas da Méliuz

Os principais acionistas da Méliuz (CASH3) são ainda seus fundadores, na seguinte proporção:

  • Israel Fernandes Salmen, com 17,5% das ações ordinárias
  • Ofli Campos Guimarães, com 10,45% das ações ordinárias

Além deles, outros investidores têm posições relevantes:

  • André Amaral Ribeiro, com 0,83% das ações ordinárias
  • Lucas Marques Figueiredo, com 2,13% das ações ordinárias
  • Opportunity HDF, com 7,46% das ações ordinárias.