Siga nossas redes

Geral

3 fatos para hoje: Presidente do BC fala sobre cortes da Selic; IPC e Visa

Cidade de SP acumula inflação de 2,01% no ano.

Campos Neto reitera que cortes de 0,50 pp da Selic são ritmo apropriado hoje

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, repetiu que o Comitê de Política Monetária (Copom) continua a avaliar que a magnitude de redução da taxa básica de juros em 0,50 ponto porcentual a cada reunião é mais adequada.

“A gente entende que o meio por cento é um ritmo apropriado hoje dadas as condições”, reforçou ao programa Conversa com Bial, da TV Globo, exibido na madrugada desta terça-feira (3).

Segundo ele, a inflação “está indo para o caminho correto”. O presidente do BC explicou o que são os núcleos de inflação e a importância dessa medida para se saber a tendência estrutural dos preços. “No Copom, a decisão não é só sobre o que se vai fazer, mas também o que comunicar como próximos passos”, disse.

Ele salientou também que vários tipos de modelo são analisados.

Arcabouço fiscal e meta de 2024

Ao comentar sobre a meta do Ministério da Fazenda de zerar o déficit primário no ano que vem, Campos Neto comentou que se trata de uma “parte delicada” da economia, porque o Brasil é um país que conta com aumento de dívida “há bastante tempo”.

Durante a pandemia, lembrou, essa elevação se tornou um caso universal, pois os formuladores de políticas públicas estavam preocupados em evitar uma depressão. Numa ação conjunta, políticos e bancos centrais atuaram tanto na parte fiscal quanto na monetária para evitar um colapso econômico.

“Esse ato combinado teve uma coisa boa, pois fez com que a depressão não existisse, mas o outro lado da moeda é que se deixou uma conta muito grande para pagar”, refletiu. “Na ida, a coordenação foi muito fácil, mas na volta não está tão fácil, pois há um distanciamento do interesse político com o interesse monetário”, disse o presidente da autoridade monetária, acrescentando que os BCs estão aumentando os juros, mas os países estão com dificuldade de fazer ajustes de gastos.

Gestão no BC

Sobre sua gestão, Campos Neto contou que considerou tudo muito “hierarquizado” quando chegou à instituição e que adotou uma gestão mais descentralizadora.

“Tento ficar focado onde a gente quer chegar, não fico muito preocupado com os juízes de curto prazo. Tento não ficar muito afetado com os ruídos do dia a dia. Quando entrei no governo (Bolsonaro), eu tinha um plano de tudo o que eu ia fazer e eu estava muito preocupado em fazer as entregas”, afirmou o presidente do BC.

Vista aérea da cidade de São Paulo

IPC-Fipe avança 0,29% em setembro e deixa inflação acumulada de 2023 em 2,01%

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que mede a inflação na cidade de São Paulo, subiu 0,29% em setembro, contrastando com a queda de 0,20% de agosto e repetindo a variação da terceira quadrissemana do mês passado, segundo dados publicados nesta terça-feira, 3, pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).

O resultado de setembro ficou exatamente em linha com a mediana das estimativas de instituições de mercado consultadas pelo Projeções Broadcast, de alta de 0,29%. As projeções variavam de 0,22% a 0,40%.

Entre janeiro e setembro, o IPC-Fipe acumulou inflação de 2,01%.

No período de 12 meses até setembro, o índice subiu 3,51%, vindo também como esperado.

Grupos

Apenas em setembro, quatro dos sete grupos do IPC-Fipe ganharam força ou reduziram deflação: Habitação (de -0,20% em agosto para 0,47% em setembro), Alimentação (de -1,03% para -0,78%), Transportes (de 0,31% para 0,61%) e Despesas Pessoais (de -0,13% para 1,45%).

Por outro lado, houve desaceleração de agosto para setembro nas categorias Saúde (de 0,82% para 0,48%), Vestuário (de 0,53% para 0,27%) e Educação (de 0,13% para 0,00%).

Ilustração da sigla de inteligência artificial em placa de computador 23/06/2023 REUTERS/Dado Ruvic/Ilustração

Visa lança fundo de investimento de US$100 milhões para startups de IA

A Visa (VISA34) lançou nesta segunda-feira (2) um fundo de investimento de US$ 100 milhões para startups de inteligência artificial (IA) generativa, juntando-se a uma lista de investidores que têm se voltado para o setor este ano.

Grandes nomes como Microsoft e Alphabet, do Google, têm apoiado o espaço de inteligência artificial, uma palavra-chave nos círculos de tecnologia este ano, após a popularidade do chatbot ChatGPT.

“Embora grande parte da IA ​​generativa até agora tenha se concentrado em tarefas e na criação de conteúdo, essa tecnologia… também mudará significativamente o comércio de maneiras que precisamos compreender”, disse Jack Forestell, diretor de produtos e estratégia da Visa, em comunicado.

A IA generativa é uma tecnologia que cria conteúdo completamente novo com base no que aprendeu com dados anteriores.

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.