Siga nossas redes

Geral

5 fatos para hoje: lucro da B3, mutação da Covid-19 e greve dos petroleiros

No Ceará, Pernambuco e Rio de Janeiro mais da metade dos analisados estavam infectados com variantes do vírus, diz Fiocruz.

Publicado

em

por

InvestNews*
bolsa brasileira
Crédito: Shutterstock

1 – Conselheiros do BB pedem por permanência de Brandão

Quatro conselheiros de administração do Banco do Brasil registraram apoio à gestão do atual presidente da instituição, André Brandão, na ata da reunião extraordinária do dia 2 de março, diante do que chamaram de “especulações veiculadas na imprensa sobre a possível e surpreendente substituição do presidente ainda no início de seu mandato”.

Na semana passada, Brandão avisou o presidente Jair Bolsonaro que colocou o cargo à disposição, o que deflagrou uma corrida política pela sua vaga. O executivo entrou em atrito com Bolsonaro por causa de plano de enxugamento de agências e corte de pessoal do banco.

A ata da reunião extraordinária é assinada por Hélio Lima Magalhães (presidente do conselho), José Guimarães Monforte, Luiz Serafim Spinola Santos e Paulo Roberto Evangelista de Lima. Os dois primeiros são indicados pelo Ministério da Economia e os dois últimos, eleitos por acionistas minoritários.

2 – Petroleiros de 5 estados anunciam greve

Petroleiros dos Estados do Amazonas, Espírito Santo, Minas Gerais, Pernambuco e São Paulo darão início nesta sexta-feira (5) a uma greve para cobrança de direitos e contra “riscos de privatização” da Petrobras, informou a Federação Única dos Petroleiros (FUP) nesta quinta-feira.

Além disso, também será retomado um movimento na Bahia, em oposição à venda de uma refinaria no estado. A paralisação começou no último dia 18 de fevereiro, mas foi suspensa para retomada de negociações com a estatal — segundo a FUP, porém, as conversas não avançaram.

A Petrobras, por sua vez, afirmou que foi notificada sobre as intenções de manifestação, mas mantém um acordo para negociação com os funcionários e acredita que, durante a vigência deste pacto, uma greve “não se justifica”. “Até o presente momento não foi identificado nenhum movimento de paralisação nas unidades da companhia”, acrescentou a estatal em comunicado.

3 – Fiocruz detecta alta prevalência de variantes de Covid-19 no Brasil

Um estudo da Fundação Oswaldo Cruz divulgado nesta quinta-feira (4) detectou uma alta prevalência de variantes da Covid-19 dispersas nas três regiões brasileiras analisadas — Sul, Sudeste e Nordeste — , ao citar a alta circulação de pessoas e o aumento da propagação do vírus como motivos para essa ocorrência.

O levantamento, do Observatório Covid-19 Fiocruz, que contou com o apoio do Ministério da Saúde, apontou que, de oito Estados analisados, somente em dois não houve uma prevalência da mutação associada às variantes do vírus da Amazônia, do Reino Unido e da África do Sul superior a 50%.

Isso ocorreu, segundo comunicado do órgão, em Minas Gerais, com 30,3% das amostras testadas como positivo para a mutação e, Alagoas, com 42,6%. Em outros seis estados pesquisados essa prevalência superou a metade da população analisada: Ceará, 71,1%; Pernambuco, 50,8%; Rio de Janeiro, 62,7%; Paraná, 70,4%; Santa Catarina, 63,7%; e Rio Grande do Sul, 62,5%.

4 – B3 tem lucro líquido de R$ 4,2 bi em 2020

A B3 informou lucro líquido de R$ 4,2 bilhões em 2020. O valor representa crescimento de 52,98% na comparação com o lucro de R$ 2,7 bilhões de igual período anterior.

Enquanto isso, a receita da companhia fechou o período em R$ 9,3 bilhões. O resultado representa crescimento de 41,83% ante a cifra de R$ 6,6 bilhões na mesma base de comparação.

Essa melhora foi patrocinada pelo crescimento de 67,3% no volume financeiro médio diário no mercado à vista de ações, com o número médio de investidores ativos dobrando. Além disso, a bolsa teve no período 16 ofertas de ações, que movimentaram 38,8 bilhões de reais, 20,5% a mais do que na mesma etapa de 2019.

5 – China anuncia meta de crescimento econômico ‘acima de 6%’ ao ano

O Partido Comunista, que detém o poder na China, estabeleceu uma meta de crescimento econômico anual “acima de 6%”, anunciou o premie Li Keqiang em um congresso nesta sexta-feira (5), onde cerca de 3 mil delegados do partido estão reunidos para o encontro anual de duas semanas, o principal evento do calendário político chinês.

Após as perdas provocadas pela pandemia, o principal objetivo do país é atingir a autossuficiência em ciências e tecnologia. A China foi a única grande nação a crescer no ano passando, com alta de 2,3% do PIB após a inédita paralisação quase total da economia para o combate à covid-19.

*Com Reuters e Estadão Conteúdo

Com CDB, quem empresta dinheiro para o banco é você! Invista já!

Anúncio Patrocinado Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem! Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem!

O InvestNews é um canal de conteúdo multiplataforma que oferece a cobertura diária de notícias e análises sobre economia, investimentos, finanças, mercado financeiro, educação financeira, projeções, política monetária e econômica. Tudo o que mexe com o seu dinheiro você encontra aqui, com uma linguagem simples e descomplicada sobre o mundo da economia e dos investimentos.