Siga nossas redes

Geral

Ficou sabendo? VTEX demite 11% dos funcionários; clubes mais valiosos da Europa

A Premier League agora tem 10 times em uma lista dos 32 clubes mais valiosos da Europa.

futebol jogador

VTEX demite 11% do quadro de funcionários

A plataforma brasileira de comércio digital VTEX anunciou nesta quinta-feira a demissão de 193 funcionários. A companhia tem ações listadas em bolsa nos Estados Unidos.

O número representa cerca de 11% dos funcionários, já que a empresa disse em seu formulário 20-F – entregue à Comissão de Valores Mobiliários dos EUA, SEC – que tinha 1.727 funcionários no fim de 2021, incluindo terceirizados e estagiários. O atual número de funcionários é de 1.765, segundo relatório divulgado no site de relação com investidores referente ao Q1 2022.

O anúncio ocorre em meio a relatos e notícias recentes sobre outras demissões em massa em startups brasileiras.

“A decisão de reduzir nossa força de trabalho foi tomada como um julgamento estratégico sobre qual estrutura organizacional pode entregar nossas prioridades ajustadas e alinhadas a esse ciclo orientado a crescimento com eficiência”, disse a VTEX em nota.

A companhia, que ajuda empresas a executarem estratégias de comércio digital montando lojas online, fez sua oferta inicial de ações (IPO) em Nova York em julho passado.

Suzano aumenta preço de celulose para Ásia

A Suzano está informando clientes na Ásia sobre novo reajuste nos preços da celulose a partir de junho, da ordem de 30 dólares a tonelada, informou uma fonte do mercado nesta quinta-feira.

Com o reajuste, o preço do produto da maior fabricante de celulose de eucalipto do mundo na Ásia irá para o patamar de entre 840 e 850 dólares, informou a fonte.

O reajuste ocorre poucas semanas após a companhia ter incrementado preços na região, também em 30 dólares, seguindo iniciativa da rival Klabin.

Clubes mais valiosos da Europa

A Premier League agora tem 10 times em uma lista dos 32 clubes mais valiosos da Europa, de acordo com um relatório publicado nesta quinta-feira pelos analistas da Football Benchmark.

Havia oito clubes da Premier League na lista do ano passado, com Aston Villa e West Ham United estreando em 2022 e juntando-se a Manchester United, Liverpool, Manchester City, Chelsea, Tottenham Hotspur, Arsenal, Leicester City e Everton.

A primeira divisão da Inglaterra lidera com 10 clubes, seguida pela Série A da Itália, que tem sete equipes entre as 32.

O relatório, que usou demonstrações financeiras anuais e valores do elenco para calcular a avaliação dos clubes, disse que o crescimento da Premier League se deve em grande parte às receitas de transmissão.

Acrescentou que “em 2019/20, a última temporada para a qual as informações totais da liga estavam disponíveis no momento, as receitas operacionais agregadas da Premier League de 5,1 bilhões de euros as colocaram confortavelmente no topo”.

O Real Madrid, campeão espanhol, foi o clube mais valioso da Europa pelo quarto ano consecutivo, com uma avaliação de 3,18 bilhões de euros, seguido pelo Manchester United (2,833 bilhões de euros) e Barcelona (2,814 bilhões de euros).

O relatório acrescentou que os clubes estavam começando a se recuperar dos efeitos da pandemia de Covid-19.

“Os resultados financeiros do ano passado ainda carregam os impactos negativos da Covid-19, enquanto os últimos meses refletem sinais sólidos de que o futebol está voltando ao normal”, disse o autor do relatório, Andrea Sartori.

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.