Siga nossas redes

Cafeína

RLP: o que é e como funciona?

Retail Liquidity Provider, ou: “Provedor de Liquidez ao Varejo” é um sistema que surgiu para facilitar a vida de quem opera minicontratos de índice e de dólar.

Publicado

em

Você sabe o que é RLP? Este é um sistema que tem chamado a atenção dos investidores brasileiros. Chegou no Brasil em agosto de 2019, mas nos Estados Unidos já funciona há mais tempo.

O que é RLP?

A sigla RLP, do inglês Retail Liquidity Provider, significa, traduzindo para o português, “Provedor de Liquidez ao Varejo”. Este é um sistema que surgiu para facilitar a vida de quem opera minicontratos de índice e de dólar.

O mini índice é um contrato futuro derivado do Ibovespa. Esse ativo tem como base o sobe e desce do índice. Ele é chamado de mini porque representa 20% da pontuação do índice cheio. No mini índice você precisa de menos dinheiro para operar, do que quando comparado ao contrato de índice cheio. Então estes são contratos com um bom volume de operação na bolsa.

A cada 1 ponto de oscilação do índice cheio, você ganha ou perde R$ 1,00. No caso do mini índice, a cada 1 ponto de oscilação, você ganha (ou perde) R$0,20.  Então se você ganhar 100 pontos de oscilação positiva, significa que você ganhou R$ 20,00.

Assim como no mini índice, os mini contratos de dólar são negociados no mercado futuro da bolsa de valores. E o que isso significa? Significa que no mercado futuro podem ser negociados contratos de compra e venda de ativos para uma data futura, que ainda está por vir .

No minicontrato de dólar, o que precisa considerar é qual será o preço em reais de uma determinada quantia de dólares numa data futura. E assim estimar se ele vai se valorizar ou não, e se vale mais a pena adquirir ou vender um minicontrato de dólar.

O RLP atua nas operações de compra e venda de minicontratos como uma forma de ter maior liquidez. Ele ajuda a investidores venderem grandes quantidades de minicontratos por um preço único e predefinido.  Quando não tem o sistema de RLP, os investidores ficam reféns da baixa liquidez, o que acaba por obrigar a venderem em lotes menores, com preços diferentes cada um.  

No Cafeína de hoje, Samy Dana e Dony De Nuccio explicam tudo sobre esse sistema e mostram como operar através da corretora de valores.

Leia mais:
Mercado de opções: como defender a sua carteira?
Facundo Guerra: ‘Bilionários são descolados da realidade’
Com Selic em alta, o que muda na renda fixa?

Seja sócio das maiores empresas do Brasil com corretagem ZERO! Invista em Ações

Anúncio Patrocinado Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem! Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem!