Siga nossas redes

Cafeína

Taxação de apostas no Brasil tem potencial de arrecadar R$ 2 bi por ano

Neste Cafeína, Samy Dana e Dony De Nuccio mostram em quais países do mundo tem as maiores e menores taxações de apostas quando comparado ao Brasil e o que saber sobre as novas regras.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 1 minuto

Após ser publicada a Medida Provisória que regulamenta o mercado de apostas esportivas, o governo informou que a medida visa abrir uma nova fonte de receita para o Estado, assim como garantir segurança aos apostadores. É estimado que taxação de apostas no Brasil tenha potencial de arrecadar R$ 2 bilhões por ano.

A MP estabelece que do valor da arrecadação com os jogos serão descontados o prêmio e o imposto de renda incidente sobre a premiação. O restante será distribuído para as empresas de apostas (82%) e para a contribuição da seguridade social (10%); educação básica (0,82%); Fundo Nacional de Segurança Pública (2,55%); Ministério do Esporte (3%); e clubes e atletas associados às apostas (1,63%).

Neste Cafeína, Samy Dana e Dony De Nuccio mostram em quais países do mundo tem as maiores e menores taxações de apostas quando comparado ao Brasil e o que saber sobre as novas regras.

Veja também

Veja também

ANÚNCIO PATROCINADO Confira

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.