Siga nossas redes

Economia

Preço do petróleo despenca com plano de Biden para cortar custos de combustível

Por volta de 12h20, os contratos futuros de petróleo Brent caíam 3,98%. O petróleo dos EUA (WTI) recuava 4,46%, para US$ 104,63.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 2 minutos

reservas de petróleo
Barris de petróleo em pátio da Vermilion Energy, na França. 13/10/2017 REUTERS/Regis Duvignau

Os preços do petróleo despencavam nesta quarta-feira (22) com a notícia de que Biden deve pedir ao Congresso que considere uma suspensão de três meses do imposto federal de 18,4 centavos de dólar por galão sobre a gasolina.

O presidente também deve solicitar aos estados que suspendam seus impostos sobre combustíveis, segundo informações de um alto funcionário do governo.

Por volta de 12h20, os contratos futuros de petróleo Brent caíam 3,98%, a US$ 110,09 por barril. O petróleo dos EUA (WTI) recuava 4,46%, para US$ 104,63.

Ambos os contratos atingiram o menor nível desde 19 e 11 de maio, respectivamente.

O analista de commodities do Commerzbank, Carsten Fritsch, disse que, se for bem-sucedido, o corte de impostos provavelmente “apoiará os preços ao estimular a demanda por gasolina”.

O analista da PVM, Stephen Brennock, disse que, embora os preços mais baixos ao consumidor possam ser vistos como um sinal de alta da demanda, um corte de impostos também pode induzir expectativas de novas medidas do governo Biden para reduzir a alta dos preços da energia.

A Casa Branca convidou os CEOs de sete petroleiras para uma reunião nesta semana para discutir maneiras de aumentar a capacidade de produção e reduzir os preços dos combustíveis.

*Com Reuters

Veja também

Investimento seguro, com boa rentabilidade e liquidez. Bora investir em CDB hoje? Invista agora!

Anúncio Patrocinado Probabilidades Samy Dana Probabilidades Samy Dana
ANÚNCIO PATROCINADO      Novidade Carteita TOP FII Junho

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Anúncio Patrocinado Cripto no App Nu