Siga nossas redes

Finanças

Caixa lança crédito imobiliário prefixado com taxa a partir de 8%

Taxas da nova modalidade vão até 9,75% ao ano e prazo chega a 360 meses.

Publicado

em

Caixa Econômica Federal
Fachada do prédio da Caixa Econômica Federal (CEF). Foto: Pillar Pedreira/Agência Senado

A Caixa Econômica Federal lançou nesta quinta-feira (20) a linha de crédito imobiliário do banco com taxa fixa, sem correção. As taxas de juros vão começar a partir de 8% ao ano, até 9,75%.

As condições são válidas para imóveis residenciais novos e usados, com quota de financiamento de até 80%. As contratações estarão vigentes a partir da sexta-feira (21). Com relacionamento com o banco, a taxa é de 8% a 9,50% ao ano. Sem relacionamento, é de 9,75%.

De acordo com a Caixa, o cliente poderá escolher entre os sistemas de amortização SAC, para contratos de até 360 meses, e PRICE, para financiamentos de até 240 meses.

A modalidade, que foi anunciada em janeiro pelo presidente da Caixa, Pedro Guimarães, foi divulgada oficialmente em cerimônia no Palácio do Planalto, com a presença do presidente da República, Jair Bolsonaro.

Com o lançamento, a Caixa passa a oferecer a seus clientes três modalidades de crédito imobiliário:

  • Taxa Referencial (TR) mais juros
  • Correção pela inflação (IPCA)
  • Prefixada (sem correção)

No ano passado, em agosto, o banco estatal lançou a linha com correção pelo IPCA.

Juros fixos, sem correção

Na nova linha, o juro será fixo e não terá outros indicadores de correção. Na modalidade pós-fixada corrigida pela TR, a Caixa cobra juros de 6,5% a 8,5% ao ano, além da TR, e o prazo máximo de pagamento é de 420 meses; os recursos vêm da poupança e do FGTS.

Já na linha pós-fixada corrigida pelo IPCA, a Caixa cobra juros de 2,95% a 4,95% ao ano, além da inflação; o prazo máximo do financiamento é de 360 meses, e o funding só permite o uso de recursos da poupança.

Veja as condições das 3 linhas de crédito imobiliário oferecidas pela Caixa:

LinhaTaxas de jurosCorreçãoPrazo máximo
TR + juros6,5% a 8,5% ao anoTaxa Referencial420 meses
Inflação + juros2,95% a 4,95% ao anoIPCA360 meses
Juros fixos8% a 9,50% ao anoNão tem360 meses (Price) e 240 meses (SAC)

R$ 10 bilhões liberados

Assim como na linha de crédito pelo IPCA, a nova modalidade da Caixa, com taxa fixa, também terá R$ 10 bilhões disponibilizados pelo órgão.

“Lembrando que temos carteira de R$ 460 bilhões de reais. A (modalidade) IPCA com R$ 10 bilhões, já emprestamos R$ 6,5 bilhões, e agora estamos lançando agora também taxa fixa com 10 bilhões de reais”, disse o vice-presidente da Habitação da Caixa, Jair Mahl.

Durante coletiva de imprensa, Mahl também destacou a participação que a Caixa vem exercendo no mercado imobiliário.

Segundo ele, foram R$ 90,7 bilhões aplicados no crédito imobiliário em 2019. Mahl também afirmou que na contratação de crédito imobiliário via Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE), a Caixa teve um crescimento de 101% de 2018 para 2019, enquanto que as demais instituições financeiras tiveram crescimento de 18% no mesmo período.

*Com Estadão Conteúdo


Ganhe dinheiro sendo sócio das maiores empresas do Brasil: Invista pela Easynvest!

Anúncio Patrocinado Não corra o risco de faltar dinheiro lá na frente. Não corra o risco de faltar dinheiro lá na frente.

O InvestNews é um canal de conteúdo multiplataforma que oferece a cobertura diária de notícias e análises sobre economia, investimentos, finanças, mercado financeiro, educação financeira, projeções, política monetária e econômica. Tudo o que mexe com o seu dinheiro você encontra aqui, com uma linguagem simples e descomplicada sobre o mundo da economia e dos investimentos.