Siga nossas redes

Finanças

Itaú lança ETF atrelado ao Tesouro IPCA+ de curto prazo

Aplicação mínima é inferior a R$ 100 com taxa de administração de 0,20% a.a

Publicado

em

por

Investnews
Agência do Banco Itaú (Imagem: Itaú | Divulgação)

Nesta terça-feira (17) iniciam as negociações do B5P211, um ETF (fundo de investimento negociado em bolsa) de renda fixa e atrelado ao Tesouro IPCA+ da Itaú Asset Management. O ETF segue o índice IMA-B5 P2 calculado pela Anbima.

O investidor terá acesso a uma carteira de títulos do Tesouro atrelados à inflação (IPCA) com vencimento menor que 5 anos e prazo médio de repactuação superior a 720 dias.

A aplicação mínima é inferior a R$ 100 e da direito a uma cota, o fundo possui liquidez diária. A taxa de administração é de 0,20% ao ano e não tem incidência de IOF ou come-cotas. A alíquota do imposto de renda é de 15% para qualquer tempo de aplicação.

Este é o quarto ETF de renda fixa da Itaú Asset Management, no total são 13 ETFs na prateleira: quatro de renda fixa e nove de renda variável. Na renda fixa é possível encontrar também o IMAB11 (fundo que acompanha títulos pós-fixados do Tesouro Nacional), o IB5M11 e o IRFM11.

Segundo Renato Eid, Head de estratégia beta e integração ESG da Itaú Asset, os brasileiros têm um interesse crescente pelos ETFs, o que fez com que a gestora crie novos produtos. “Os fundos de índice cumprem um papel importantíssimo de diversificação de investimentos na carteira, ainda mais no momento em que o país está com sua menor taxa básica de juros da história”, afirma.

Invista com rentabilidade altíssima alavancando seus ganhos! Invista em Índice!

Anúncio Patrocinado Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem! Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem!