Siga nossas redes

Finanças

Semana de caos: confira as 10 ações que mais caíram

Destaques negativos ficaram no setor aéreo com Gol e Azul

Publicado

em

por

Katherine Rivas
bolsa

Chegou ao fim a semana que mais estarreceu o mercado financeiro e provocou além de diversos “circuit breaker” o pior desempenho para o Ibovespa desde 1998, quando a bolsa despencou quase 15% na quinta-feira (12).

Nesta sexta-feira (13), contrariando o azar da data, o Ibovespa ensaiou recuperação encerrando o dia em alta de 13,91% aos 82.677 pontos. Contudo, não foi suficiente para recuperar as perdas da semana. No acumulado a B3 caiu 15,68%, pior semana desde 10 de outubro de 2008 quando a bolsa acumulou queda semanal de 20,01%.

O destaque negativo ficou com a Gol (GOLL4) que recuou 46,94% na semana. Outra empresa que ficou entre as três com maior queda acumulada foi a Azul (AZUL4) com perda acumulada de 36,12%. Para George Sales, professor de Finanças do Ibmec SP, as perdas da GOL e a Azul estão relacionadas ao impacto do coronavírus no setor aéreo, onde aerolinhas tem um custo fixo muito alto com funcionários, leasing das aeronaves e dependem da venda de passagens e os voos. Com o cancelamento de voos para países estratégicos e o fechamento de aeroportos internacionais, as empresas experimentaram forte perda de receita. No Brasil, o cancelamento de viagens locais também contribuiu com a queda de receita. “Com o coronavírus em alta as pessoas não querem ficar pressas no avião expostas ao ar condicionado’, explica Sales.

Outro fator que contribuiu com a queda das companhias foi o fato das empresas adotarem como medida de prevenção o cancelamento de viagens de executivos, reduzindo ainda mais a demanda por voos.

Outra ação que figurava entre as três maiores quedas da semana foi a IRB Brasil (IRBR3), que recuou 38,91%. Sales avalia que a empresa ainda vive ainda os impactos de ter informações financeiras de qualidade duvidosa, além do escândalo do suposto mega acionista Warren Buffet. “A empresa acabou despencando na semana passada, mas o investidor está receoso e espera a recuperação. Mas, temos o cenário crítico atual onde muitas empresas podem ativar os seguros por sinistros financeiros deixando a IRB ainda mais prejudicada”, conclui.

Dançando na chuva

Mesmo em um cenário de caos, duas ações decidiram remar contra a corrente apresentando uma leve alta semanal. É o caso da CCR Brasil (CCRO3) que avançou 0,62% e a empresa de energia Engie Brasil (EGIE3) que teve alta de 0,40% na semana.

Sales afirma que esta alta se deve a que os setores de energia elétrica e de estradas não apresentam grandes riscos financeiros com o coronavírus se tornando opções de investimento para algumas pessoas no meio do caos.

Veja as 10 ações que mais caíram na semana terminada na sexta-feira (13):

GOL (GOLL4) -46.94%
IRB Brasil Resseguros (IRBR3) -38.91%
Azul SA (AZUL4)-36.12%
PETROBRAS (PETR3) -34.08%
CVC BRASIL (CVCB3)-32.91%
PETROBRAS (PETR4)-32.54%
BRF SA (BRFS3) -28.65%
SID NACIONAL (CSNA3)-28.44%
Banco BTG (BPAC11) -27.91%
EMBRAER (EMBR3) -26.63%

Ganhar dinheiro com Ações pode ser bem mais fácil que parece. Invista pela Easynvest!

Anúncio Patrocinado Não corra o risco de faltar dinheiro lá na frente. Não corra o risco de faltar dinheiro lá na frente.

O InvestNews é um canal de conteúdo multiplataforma que oferece a cobertura diária de notícias e análises sobre economia, investimentos, finanças, mercado financeiro, educação financeira, projeções, política monetária e econômica. Tudo o que mexe com o seu dinheiro você encontra aqui, com uma linguagem simples e descomplicada sobre o mundo da economia e dos investimentos.