Siga nossas redes

Geral

Ficou sabendo? Brasileira Nuvini prepara IPO na Nasdaq; inadimplência

E mais: Petrobras vê 5,6 bi barris de óleo em bloco na Margem Equatorial, diz ministro.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 3 minutos

Empresa brasileira de software Nuvini prepara IPO na Nasdaq

A holding brasileira de empresas de software como serviço (SaaS) Nuvini será listada em Nova York em um acordo com uma empresa de aquisição de propósito específico (SPAC) da Mercato Partners, avaliada em US$ 235 milhões.

A Nuvini, que detém sete startups que fornecem uma ampla gama de serviços de software para empresas principalmente no Brasil, começará a ser negociada na Nasdaq na segunda-feira sob o símbolo “NVNI”.

O acordo proporcionará à empresa cerca de US$ 60 milhões que serão usados ​​para adquirir mais startups, disse o presidente-executivo da Nuvini, Pierre Schurmann. O executivo acrescentou que a empresa tem 17 negócios potenciais em andamento no Brasil, mas também pretende expandir para outros países da América Latina.

Petrobras vê 5,6 bi barris de óleo em bloco na Margem Equatorial, diz ministro

Estudos internos da Petrobras (PETR4)  mostram que um único bloco na Margem Equatorial, na região amazônica do Amapá, pode conter reservas de mais de 5,6 bilhões de barris de petróleo, disse o ministro de Minas e Energia nesta sexta-feira, ao defender a exploração da área ambientalmente sensível.

profissional na refinaria da petrobras

Os comentários de Alexandre Silveira ocorrem no momento em que a petroleira busca perfurar o primeiro poço exploratório em águas profundas da Bacia da Foz do Rio Amazonas, na costa do Amapá, um tema controverso que divide ministros do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Haddad descarta nova onda de inadimplência no começo do ano

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, disse nesta sexta-feira que o desconto médio oferecido por credores a pessoas endividadas por meio do programa Desenrola, do governo federal, foi de 83% e classificou a iniciativa como “um enorme sucesso”.

Em entrevista coletiva em São Paulo, Haddad disse que de um montante de 151 bilhões de reais em dívidas cadastradas no programa, houve desconto de 126 bilhões de reais, o que reduziu o valor final a ser pago a 25 bilhões de reais. O programa pode beneficiar até 32,3 milhões de pessoas.

“Estamos bastante felizes com os resultados, estamos falando de 150 bilhões de reais que podem eventualmente ser quitados, o que vai permitir que as pessoas possam ter um último trimestre do ano bastante mais confortáveis, com o nome limpo, o crédito recuperado, para ter um final de ano melhor”, disse.

(*Com informações da Reuters.)

Veja também

ANÚNCIO PATROCINADO Confira

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.