Siga nossas redes

Negócios

Apple adia entregas do iPhone 15 Pro Max em sinal de forte demanda

Compradores da China, Japão e Estados Unidos podem ter que esperar até novembro pelo produto.

Publicado

em

por

Tempo médio de leitura: 2 minutos

Os compradores do novo iPhone 15 Pro Max da Apple (AAPL34) em alguns países, incluindo China, Japão e Estados Unidos, podem ter que esperar até novembro para adquirir o smartphone, um sinal precoce à empresa de forte demanda pelos seus produtos, à medida que começa a receber pré-encomendas nesta sexta-feira.

Os indicadores devem aliviar algumas preocupações acerca da demanda pelo principal dispositivo da Apple, após uma queda no mercado global de smartphones minar as vendas do iPhone no trimestre de junho.

Smartphone iPhone 15 Pro apresentado durante evento da Apple em Cupertino, Califórnia 12/9/2023 REUTERS/Loren Elliott

O período de espera de quatro a cinco semanas para o Pro Max na China também pode acalmar os temores de um impacto financeiro no terceiro maior mercado da Apple em meio à concorrência cada vez mais acentuada da Huawei e as restrições de Pequim ao uso do iPhone por funcionários do governo.

A espera é um pouco menor para o iPhone 15 Pro na China, de duas a três semanas, de acordo com o site da Apple. A empresa disse que pode entregar o iPhone 15 em 22 de setembro, dia em que o telefone estará à venda nas lojas.

No principal mercado, os Estados Unidos, os compradores terão que esperar de seis a sete semanas antes de adquirir o Pro Max, o modelo mais caro da linha de modelos do iPhone 15 lançada na semana passada. No Japão, a espera pelo modelo é de cinco a seis semanas.

Porém, assim como na China, a espera é menor para o modelo Pro, com um período de aguardo de apenas duas a três semanas para adquirir a versão de 128 gigabytes nos EUA e no Japão.

Os modelos iPhone 15 Pro e Pro Max se esgotaram na loja da Apple na plataforma Tmall, do Alibaba, um minuto após o início das vendas, conforme relatado pela mídia local chinesa.

No JD.com, um dos maiores canais de venda da Apple na China, mais de 3,4 milhões de reservas foram feitas no total para os quatro modelos do iPhone 15, antes do início das encomendas na plataforma de comércio eletrônico nesta sexta-feira.

Veja também

Este conteúdo é de cunho jornalístico e informativo e não deve ser considerado como oferta, recomendação ou orientação de compra ou venda de ativos.

ANÚNCIO PATROCINADO Confira

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.