Siga nossas redes

Cafeína

Como o mercado pet resistiu tão bem à pandemia?

Isolamento social devido à covid-19 movimentou o mercado voltado a animais de estimação, considerado como atividade essencial.

Publicado

em

Os animais de estimação se deram bem na pandemia. Isso porque ganharam muito mais petiscos e brinquedos, já que o mercado pet ficou imune ao tombo da economia. Segundo dados do Instituto Pet Brasil, mesmo com a pandemia, o setor se mostrou resistente e faturou R$ 40 bilhões em 2020, uma alta de 13,5% em relação ao ano anterior.

Mercado Pet e a pandemia

Já olhando para uma janela maior de tempo, nos últimos cinco anos o setor de acessórios e alimentos para pets cresceu 87%, de acordo com a empresa de pesquisa de mercado Euromonitor. E o motivo para essa expansão foi devido aos serviços voltados aos animais serem considerados como essenciais durante o período em que os comércios e demais negócios tiveram de fechar as suas portas ou atuar de forma estritamente online.

Somado a isso, com as pessoas ficando mais tempo em casa, elas passaram a investir mais em seus animais. O isolamento inclusive acelerou as adoções.

Líder do setor, a rede Petz (PETZ3) abriu seu capital em setembro do ano passado e surfou nessa resistência do setor à crise. A empresa cresceu 46,6% em 2020 frente a 2019, faturando 1,7 bilhão de reais, graças, em parte, à aposta nas vendas on-line A rede é considerada uma das maiores do Brasil.

Desde sua estreia na B3, a Petz já registrou crescimento de mais de 20% no valor de seus papéis, atraindo a atenção dos investidores. Porém, depois da divulgação dos resultados do primeiro trimestre deste ano, a ação PETZ3 viu seu preço cair 5%.  Mas qual o motivo, se a companhia vem registrando resultados tão bons?

No Cafeína desta terça-feira (08), Samy Dana e Dony De Nuccio mostram os dados financeiros da Petz e o que os analistas falam sobre as ações PETZ3.

Veja também:

• Porque o PIB cresceu no trimestre em que a pandemia atingiu o auge?
• Tudo sobre ‘ancoragem’: quando os preços das ações não são o que parecem.
Nubank alcança marca de 40 milhões de clientes.
Locadora de galpões Tópico faz pedido de IPO na CVM.
• 4 grandes empresas que quase faliram.

Este conteúdo é de cunho jornalístico e informativo e não deve ser considerado como oferta, recomendação ou orientação de compra ou venda de ativos.

Compre Ações em apenas 3 cliques e aproveite taxa ZERO de corretagem! Invista já

Anúncio Patrocinado Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem! Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem!

O InvestNews é um canal de conteúdo multiplataforma que oferece a cobertura diária de notícias e análises sobre economia, investimentos, finanças, mercado financeiro, educação financeira, projeções, política monetária e econômica. Tudo o que mexe com o seu dinheiro você encontra aqui, com uma linguagem simples e descomplicada sobre o mundo da economia e dos investimentos.