Siga nossas redes

Cafeína

R$ 1 milhão ainda vale R$ 1 milhão? Acompanhe desde o Plano Real

Samy Dana e Dony De Nuccio mostram um levantamento sobre os efeitos da inflação sobre o dinheiro desde 1.994.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 2 minutos

Muitos já tiveram a sensação de ir ao mercado e perceber que seus R$ 100 não compram o mesmo número de produtos que em anos anteriores. E isso acontece justamente por causa da inflação.

Para ter uma ideia, entre julho de 1994 – período que entrou em vigor o Plano Real – até outubro deste ano, a alta acumulada do IPCA (o índice que mede a inflação) é de 602%. Sendo assim, R$ 10 há 27 anos equivalem hoje a R$ 70,21. R$ 100 se transformaram em R$ 702, e R$ 1.000 equivalem a R$ 7.020.

Ilustração com resultado da inflação desde 1994.

Já R$ 1 milhão recebidos em 1.994 não compram os mesmos bens que compraria R$ 1 milhão atuais, já que com a inflação acumulada no período seriam necessários R$ 7.020.529,27.

Produtos e serviços

Uma cesta básica em julho de 1994 custava em média R$ 64, de acordo com levantamento feito pelo Dieese (o Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos). Hoje, o valor para comprar a mesma cesta está em R$ 650. Já quando analisado o preço do transporte na capital paulista, as viagens de ônibus custavam R$ 0,50 e, as de metrô, R$ 0,60. Hoje, tanto o ônibus quanto o metrô custam R$ 4,40 – embora com a vantagem de que, desde 2004, há integrações gratuitas ou com desconto.

Já para o carro, se uma nota de R$ 100 rendia algo como 200 litros de gasolina no tanque, considerado o preço de R$ 0,50 por litro cobrado na época, hoje daria para comprar pouco mais de 14 litros. Isso considerando o valor médio do combustível na casa dos R$ 6,70.  Mas em Bagé, no Rio Grande do Sul, o preço por litro da gasolina já é vendido a oito reais.

Um Big Mac valia na época R$ 2,75 (e hoje, R$ 22,90). Gás de cozinha, R$ 5,70. Comprar uma boa picanha nacional no supermercado custava R$ 10,50 o kilo. Ou então um rodízio naquela churrascaria famosa dos anos 1.990: uma média de R$ 13 por pessoa.

Ilustração da evolução de preço das coisas.

No Cafeína de hoje, Samy Dana e Dony De Nuccio trazem um levantamento completo sobre os efeitos da inflação sobre o dinheiro desde 1.994.

Veja também:

Este conteúdo é de cunho jornalístico e informativo e não deve ser considerado como oferta, recomendação ou orientação de compra ou venda de ativos.

Faça seu dinheiro começar a render mais hoje! Vem pro Nu invest!

Anúncio Patrocinado Probabilidades Samy Dana Probabilidades Samy Dana
ANÚNCIO PATROCINADO      Novidade Carteita TOP FII Junho

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Anúncio Patrocinado Cripto no App Nu