Siga nossas redes

Economia

Presidente da Gol não espera demissões por conta de recuperação judicial

Publicado

em

por

Tempo médio de leitura: 1 minuto

SÃO PAULO (Reuters) – O presidente-executivo da companhia aérea Gol não prevê demissões de pessoal relacionadas ao pedido de recuperação judicial feito pela empresa na véspera nos Estados Unidos, afirmou Celso Ferrer, em entrevista à rádio CBN, nesta sexta-feira.

“Não haverá demissões relacionadas a esse processo. Daqui para a frente nós queremos crescer”, disse Celso Ferrer em entrevista à rádio. O executivo acrescentou que operacionalmente a Gol tem registrado uma “recuperação significativa” após resultados positivos nos últimos trimestres. “O grande objetivo é a gente reestruturar o balanço para que a companhia volte a crescer”, acrescentou o executivo.

O Bradesco BBI reduziu a recomendação sobre a ação da Gol para “underperform” ante “neutro” e cortou o preço-alvo do papel de 10 para 1 real citando “maciça diluição de 99%”. Analistas da corretora afirmaram que preferem ações da Azul ou da Latam.

(Por Gabriel Araujo e Paula Arend Laier)

Veja também

ANÚNCIO PATROCINADO Confira

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.