Siga nossas redes

Finanças

Bolsa interrompe 2 dias de alta; veja os destaques

Indicador da B3 recuou mais de 1% após o acordo inicial entre China e EUA.

Publicado

em

B3

São Paulo – O Ibovespa, principal indicador da B3, fechou no vermelho nesta quarta-feira (15), interrompendo dois dias de alta. As atenções ficaram voltadas para a assinatura do acordo parcial entre China e Estados Unidos, assinado nesta tarde.

O Ibovespa recuou 1,04%, aos 116.414 pontos.

No cenário interno, investidores acompanharam o fraco resultado das vendas do varejo, que subiram 0,6% em relação ao mês de outubro, abaixo das estimativas do mercado.

Segundo o IBGE, o indicador acumulado nos últimos doze meses, passou de um avanço de 1,8% em outubro para 1,6% em novembro, o que aponta uma perda de ritmo nas vendas.

No exterior, o mercado voltou as atenções para a assinatura do acordo inicial de cooperação comercial entre os Estados Unidos e a China. O encontro entre o presidente americano, Donald Trump, e o vice-premiê chinês aconteceu na Casa Branca.

Segundo o acordo, a China se compromete a importar um total de US$ 200 bilhões (180 bilhões de euros) em bens dos Estados Unidos, incluindo produtos agrícolas, para reduzir o déficit comercial entre os dois países.

Na terça-feira (14), após abrir no vermelho, a bolsa brasileira fechou em alta com avanço de 0,26%, aos 117.632 pontos.

Destaques do dia

Na ponta positiva, a Marfrig liderou os ganhos do dia, com alta de 4,84%. A ação vem ganhando força após a liberação de produtos de exportação para a Arábia Saudita de suas plantas no Uruguai. A crise de gripe aviária na Romênia, que ocasionou a morte de milhares de aves, também pode ter influenciado.

Os destaques negativos ficaram com as ações de varejo, que estão com “gordura” acumulada após brilharem em 2019, e de bancos, sob pressão prolongada com a maior concorrência das fintechs e bancos digitais.

Banco do Brasil ON fechou hoje em baixa de 1,83%, com a ordinária do Bradesco em queda de 2,29% e a preferencial, de 1,75%, enquanto Itaú Unibanco PN cedeu 1,23% e a unit do Santander caiu 2,30%.

Entre as ações de varejo, destaque para Lojas Americanas (-1,33%), com Via Varejo resistindo em terreno positivo (+1,50% no fechamento). A alta do dólar pressionou a ação da CVC, em queda de 2,61% no fechamento, e de empresas com custos afetados pela moeda americana, como Gol (-2,68%).

*Com informações do Estadão Conteúdo

Alavanque seus ganhos e tenha rentabilidades altíssimas! Negocie Contratos de Índice pela Easynvest.

Anúncio Patrocinado Não corra o risco de faltar dinheiro lá na frente. Não corra o risco de faltar dinheiro lá na frente.

O InvestNews é um canal de conteúdo multiplataforma que oferece a cobertura diária de notícias e análises sobre economia, investimentos, finanças, mercado financeiro, educação financeira, projeções, política monetária e econômica. Tudo o que mexe com o seu dinheiro você encontra aqui, com uma linguagem simples e descomplicada sobre o mundo da economia e dos investimentos.