Siga nossas redes

Finanças

Fundo imobiliário Housi anuncia que vai pagar dividendos

Retorno estimado para os cotistas é de 8,8% para os próximos 12 meses, segundo o analista Murilo Breder.

Publicado

em

Housi Vitacon/Divulgação

Os cotistas do fundo imobiliário Housi (HOSI11) já podem comemorar: sua administradora, a Vórtx Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários, informou na última semana que ele passará a pagar dividendos, após uma aquisição de empreendimentos que vão resultar em pagamentos mensais de R$ 250 mil até a conclusão das obras.

A Vórtix comprou participação em um terreno no Itaim Bibi, na cidade de São Paulo, para a construção de um edifício residencial pelo valor de R$ 39,4 milhões.  Além disso, o fundo adquiriu, por R$ 14,3 milhões, a participação em outro empreendimento que será construído no Jardim Paulista, também em São Paulo. O edifício terá 1.811,71 metros quadrados de área construída.

Dividend yield de 8,8%

A estimativa é de que os valores destes rendimentos serão de aproximadamente R$ 0,5556 por cota por mês pelos ao longo de um ano. Considerando o preço da cota do Housi no último fechamento, de R$ 75,40, o retorno estimado de dividendos (dividend yield) é de 8,8% nos próximos 12 meses.

“Este retorno é bem acima da média de mercado de fundos imobiliários, que costuma pagar entre 5% e 6% ao ano”, explica o analista de investimentos da Easynvest Murilo Breder. Segundo ele, um dos motivos que justifica o alto retorno em dividendos é o preço atual das cotas do fundo, que sofreram sobretudo durante o estouro da pandemia, em março.

Desde o IPO da Housi, em fevereiro de 2020, as cotas HOSI11 acumulam uma queda de 24,3%, enquanto o IFIX, índice que mede o desempenho dos principais fundos imobiliários da B3, recua 7,4% no mesmo período. Mesmo que a pandemia não tivesse acontecido, o fundo criou uma conta separada com R$ 9,45 milhões para garantir uma distribuição de dividendos com retorno de 7% nos primeiros dois anos. 

Moradia sob demanda


O HOSI11 é um fundo da startup brasileira Housi, da incorporadora Vitacon. Estreou na B3 este ano. A corretora Easynvest foi a coordenadora líder da oferta e teve como contribuidor o BTG Pactual. A Vitacon investe em apartamentos pequenos (de 28m² em média) e segue a estratégia de obter renda com o aluguel de imóveis residenciais mobiliados e decorados, por meio de uma plataforma de moradia “on demand“. O modelo é baseado em experiências do exterior, como nos Estados Unidos, onde os maiores players do segmento aplicam o conceito. 

A empresa Airbnb, por exemplo, já opera um empreendimento de 324 unidades na cidade de Kissimmee, no estado americano da Flórida, em conjunto com uma incorporadora imobiliária local. A ideia é proporcionar ao usuário entrada sem chave e serviços como faxina e armazenamento de bagagem sob demanda.

A tendência busca captar as novas preferências da geração mais jovem, que se mostra aberta a imóveis menores e mais bem localizados em centros urbanos. No aplicativo da Housi, o usuário encontra um imóvel e contrata seu uso sem burocracia ou necessidade de contratos, com o pagamento facilitado por cartões, enquanto os proprietários, ao divulgarem seus imóveis em cerca de 20 aplicativos, encontram inquilinos com mais facilidade.

Ganhe dinheiro comprando um pedaço de alguns dos maiores empreendimentos imobiliários do Brasil. Invista em Fundos de Investimento Imobiliários pela Easynvest!

Anúncio Patrocinado Black Novermber 2020 Black Novermber 2020

O InvestNews é um canal de conteúdo multiplataforma que oferece a cobertura diária de notícias e análises sobre economia, investimentos, finanças, mercado financeiro, educação financeira, projeções, política monetária e econômica. Tudo o que mexe com o seu dinheiro você encontra aqui, com uma linguagem simples e descomplicada sobre o mundo da economia e dos investimentos.