Siga nossas redes

Finanças

Ibovespa avança e registra 3ª semana de alta; dólar cai

Sessão foi marcada por dados de emprego nos Estados Unidos e balanços financeiros no Brasil.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 4 minutos

O Ibovespa fechou em alta nesta sexta-feira (5) e registrou forte avanço no acumulado da semana, sendo a 3ª de resultados positivos. O dia foi marcado por dados mais fortes do que o esperado sobre o mercado de trabalho norte-americano, que beneficiaram ações atreladas às commodities, bem como uma nova bateria de resultados corporativos no Brasil. O dólar, por sua vez, caiu na sessão e na semana.

No dia, o Ibovespa subiu 0,55%, aos 106.471 pontos. Na semana, o indicador teve alta de 3,21%. Já o dólar registrou queda de 1,05%, negociado a R$ 5,1669. Na semana, a moeda caiu 0,14%.

Cenário externo

Os empregadores dos Estados Unidos contrataram muito mais trabalhadores do que o esperado em julho, com a taxa de desemprego caindo para a mínimo pré-pandemia de 3,5%.

A economia norte-americana abriu 528 mil vagas de trabalho fora do setor agrícola no mês passado, informou o Departamento do Trabalho em seu relatório de emprego nesta sexta-feira (5). Foi o 19º mês consecutivo de abertura de vagas. 

Economistas consultados pela Reuters projetavam abertura de 250.000 vagas de emprego e que a taxa de desemprego permaneceria em 3,6%. As estimativas variavam de 75.000 a 325.000 postos de trabalho.

Na visão de César Mikail, gestor de renda variável da Western Asset, a mensagem que prevaleceu para o mercado nessa sexta-feira a partir dos dados dos EUA é que diminuiu a probabilidade de uma recessão mais profunda da economia norte-americana, embora isso possa significar mais juros.

Cenário interno

A temporada de balanços do 2º trimestre segue no Brasil, com agentes financeiros analisando os números de Bradesco (BBDC4) e Lojas Renner (LREN3), entre outros.

Bradesco superou previsões de lucro no segundo trimestre, montado no forte crescimento de linhas de crédito mais lucrativas e no controle de custos, mas teve uma piora na qualidade da carteira de empréstimos.

Já a Lojas Renner divulgou lucro líquido de R$ 360,4 milhões para o período de abril ao fim de junho, salto de 86,7% sobre o desempenho obtido um ano antes e acima da expectativa média do mercado. Analistas, em média, esperavam lucro líquido de R$ 326,5 milhões para a companhia no segundo trimestre, segundo dados da Refinitiv. 

Bolsas mundiais

Wall Street

placa de wall street
Placa em frente à Bolsa de Valores de Nova York sinaliza Wall Street 02/10/2020 REUTERS/Carlo Allegri

Wall Street encerrou em queda nesta sexta-feira, sob pressão de Tesla e outras ações relacionadas à tecnologia, depois que o sólido relatório de empregos torpedeou o otimismo recente de que o Federal Reserve pode afrouxar sua campanha agressiva para domar a inflação.

O índice S&P 500 fechou em queda de 0,16%, a 4.145,19 pontos. O Dow Jones subiu 0,23%, a 32.803,47 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq Composite recuou 0,5%, a 12.657,56 pontos.

O foco agora muda para dados de inflação a serem divulgados na próxima semana. A expectativa é que a inflação anual fique em 8,7% em julho, de 9,1% em junho.

Europa

As ações europeias caíram nesta sexta-feira, depois que um relatório de emprego nos EUA mais forte do que o esperado reforçou apostas de outra alta de 75 pontos-base nos juros pelo Federal Reserve no próximo mês, enquanto temores econômicos empurraram as ações para perdas semanais.

  • Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,11%, a 7.439,74 pontos.
  • Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,65%, a 13.573,93 pontos.
  • Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,63%, a 6.472,35 pontos.
  • Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,26%, a 22.586,88 pontos.
  • Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,08%, a 8.168,00 pontos.
  • Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,68%, a 6.076,90 pontos.

Ásia e Pacífico

O índice de ações bluechips da China registrou o maior salto em mais de cinco semanas nesta sexta-feira, liderado por empresas de tecnologia da informação, já que uma legislação norte-americana para competir com os fabricantes chineses de chips alimentou as expectativas de mais suporte doméstico.

  • Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,87%, a 28.175 pontos.
  • Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,14%, a 20.201 pontos.
  • Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 1,19%, a 3.227 pontos.
  • Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 0,72%, a 2.490 pontos.
  • Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 2,27%, a 15.036 pontos.
  • Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,40%, a 3.282 pontos.
  • Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,58%, a 7.015 pontos.

*Com informações da Reuters.

Veja também

Este conteúdo é de cunho jornalístico e informativo e não deve ser considerado como oferta, recomendação ou orientação de compra ou venda de ativos.

Compre Ações em apenas 3 cliques e aproveite taxa ZERO de corretagem! Invista já

Anúncio Patrocinado Probabilidades Samy Dana Probabilidades Samy Dana
ANÚNCIO PATROCINADO      Carteira de Dividendos Agosto

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Anúncio Patrocinado Cripto no App Nu