Siga nossas redes

Finanças

T4F Entretenimento vê lucro líquido saltar 89%, puxado por Taylor Swift

A receita líquida de operações de bilheteria aumentou de R$ 28,4 milhões em 2022 para R$ 39,8 milhões.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 3 minutos

A T4F Entretenimento (SHOW3), responsável pelas vendas dos ingressos de “The Eras Tour” da cantora Taylor Swift, reportou lucro líquido de R$ 16,3 milhões referente o segundo trimestre do ano, alta de 89% quando comparado com igual período de 2022 (R$ 8,6 milhões).

O Ebitda de R$ 22 milhões do período foi 134% maior que os R$ 9,4 milhões registrados no 2º trimestre de 2022.

A dívida líquida da companhia é de R$ 18 milhões ante caixa líquido de R$ 103,6 milhões, sendo este efeito “temporário”, segundo a companhia, devido aos custos com os shows da Taylor no Brasil – o que será normalizado no 3º trimestre deste ano, segundo comunicado. Pelo menos seis datas da turnê em solo brasileiro ficaram esgotadas.

Taylor Swift em Chicago na "Eras Tour" em 2 de junho de 2023. (Foto: Shanna Madison/Tribune News Service/Getty Images - via Bloomberg)
Taylor Swift em Chicago na “Eras Tour” em 2 de junho de 2023. (Foto: Shanna Madison/Tribune News Service/Getty Images – via Bloomberg)

A receita líquida de “Operações de Bilheteria, A&B e Venues” totalizando R$ 39,8 milhões, contra R$ 28,4 milhões no 2º trimestre de 2022. Este aumento se deve principalmente à taxa de conveniência sobre os ingressos vendidos para a turnê de Taylor Swift, que se esgotaram rapidamente. As vendas de alimentos e bebidas nos eventos realizados no período também entram nessa linha, segundo comunicado.

Já o lucro bruto do 2º trimestre de 2023 foi de R$ 32,3 milhões, versus R$ 22,3 milhões no mesmo período do ano anterior, representando 56,2% e 44,5% de margem bruta, respectivamente. Este aumento de 45% no lucro bruto se deve principalmente à abertura de vendas da turnê de Taylor Swift no Brasil e ao resultado positivo da segunda edição do Festival Turá São Paulo.

“A expansão de 11,7 pontos percentuais na margem bruta se deve ao mix de receitas, com maior representatividade de taxas de conveniência e patrocínio pela venda antecipada de ingressos para os shows da Taylor Swift. As linhas de Operações de Bilheteria e Patrocínios possuem margens historicamente superiores a Promoções de Eventos”.

T4F

Os próximos eventos liderados pela T4F serão o início da parceria e abertura de vendas da segunda edição do Primavera Sound São Paulo, além da estreia do musical “O Rei Leão”, dez anos após sua primeira montagem no Brasil, também produzida pela empresa.

“Realizamos a segunda edição do festival Turá em São Paulo e iniciamos a expansão geográfica com a primeira edição em Porto Alegre este ano. Demos também o pontapé inicial à parceria para promoção do festival Primavera Sound no Brasil, que será realizado nos dias 02 e 03 de dezembro no Autódromo de Interlagos”, disse a empresa.

“Esta parceria reforça a tese de expansão da nossa plataforma de festivais, além de estar em linha com os ideais da empresa de buscar equidade de gêneros na música, valorizar a sustentabilidade e a inclusão, e entregar uma experiência excelente”, afirma ainda em relatório.

A companhia atingiu receita líquida de R$ 57,5 milhões no 2º trimestre, aumento de 15% no comparativo com igual período de 2022, com R$ 50,2 milhões. Esse aumento deve-se principalmente à venda de ingressos de conteúdos que acontecerão no segundo semestre, além dos eventos realizados no período.

No acumulado de 6 meses deste ano, foram realizados 177 eventos, contra 111 no mesmo período de 2022.

Veja também

Este conteúdo é de cunho jornalístico e informativo e não deve ser considerado como oferta, recomendação ou orientação de compra ou venda de ativos.

ANÚNCIO PATROCINADO Confira

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.