Siga nossas redes

Finanças

Uber prevê forte lucro principal com aceleração da demanda por caronas e entregas

Publicado

em

por

Tempo médio de leitura: 3 minutos

(Reuters) – A Uber previu um lucro principal trimestral e um volume bruto de reservas acima das estimativas e divulgou resultados que superaram o mercado para o trimestre final de 2023 nesta quarta-feira, impulsionados pela maior demanda em seus negócios de compartilhamento de caronas e entrega de alimentos.

A Uber, que registrou seu primeiro lucro de um ano inteiro em base líquida, está expandindo iniciativas como filiação de membros, viagens corporativas e publicidade. Junto de um aumento nas viagens, isso está ajudando a empresa a melhorar a retenção de usuários.

Depois de uma queda durante os anos da pandemia da Covid-19, a demanda por viagens aumentou no ano passado, com as pessoas saindo mais de casa e muitas empresas pedindo o retorno de seus funcionários aos escritórios.

A Uber havia dito em setembro que estava considerando recompras e dividendos, mas não anunciou um plano em sua declaração de lucros. As ações da empresa caíam 3% nas negociações do pré-mercado.

“As vantagens da plataforma do Uber e o investimento disciplinado em novas oportunidades de crescimento resultaram em um engajamento recorde e na aceleração das reservas brutas no quarto trimestre”, disse o diretor financeiro Prashanth Mahendra-Rajah.

A empresa espera um lucro ajustado antes de juros, impostos, depreciação e amortização de 1,26 bilhão de dólares a 1,34 bilhão de dólares no primeiro trimestre deste ano, em comparação com as expectativas de 1,26 bilhão de dólares, de acordo com dados da LSEG.

A previsão de reservas brutas da Uber de 37 bilhões de dólares a 38,5 bilhões de dólares ficou acima das expectativas de 37,33 bilhões de dólares.

A perspectiva segue resultados sólidos no período sazonalmente forte de outubro a dezembro. A receita aumentou 15% para 9,9 bilhões de dólares e as reservas brutas aumentaram 22% para 37,6 bilhões de dólares no quarto trimestre, superando as estimativas de Wall Street.

Seu lucro líquido quase triplicou, chegando a 1,43 bilhão de dólares, graças a um benefício líquido antes dos impostos de 1 bilhão de dólares decorrente da reavaliação dos investimentos em ações da empresa.

A Uber disse que a receita de seu principal negócio de carona compartilhada cresceu 34%, impulsionada em parte pelo “crescimento descomunal de viagens” nos mercados da América Latina e da Ásia-Pacífico.

A receita do negócio de entregas cresceu 6%, enquanto o crescimento bruto de reservas para o segmento foi o maior em dois anos.

(Por Yuvraj Malik, em Bengaluru)

Veja também

ANÚNCIO PATROCINADO Confira

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.