Siga nossas redes

Geral

5 fatos para hoje: novo unicórnio brasileiro; JBS emite e precifica US$ 2 bi

O app Facily recebeu aporte de US$ 250 milhões em uma quarta rodada de financiamento.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 5 minutos

unicório

1- App Facily pode virar novo unicórnio brasileiro

O app Facily, de compras coletivas, anunciou nesta terça-feira que recebeu um aporte de US$ 250 milhões em uma quarta rodada de financiamento que coloca a companhia brasileira próxima da condição de unicórnio, de empresas iniciantes avaliadas em pelo menos US$ 1 bilhão.

“Com os novos investimentos recebidos, a empresa irá focar na eficiência logística para acelerar as entregas dos pedidos realizados na plataforma, além de trabalhar na expansão nacional da empresa”, afirmou a companhia em comunicado à imprensa.

O aporte mais recente recebido pela Facily foi liderado por DX Ventures e Delivery Hero, com Citius também participando da rodada. Antes disso, a empresa levantou US$ 116 milhões em outras três rodadas nos últimos 12 meses. A empresa não informou qual a avaliação da companhia após o novo aporte.

2- JBS emite e precifica US$ 2 bilhões com menores taxas de sua história

A JBS (JBSS3) informou na terça-feira que emitiu e precificou no mercado de capitais internacional US$ 2 bilhões, com as menores taxas de sua história, em sua primeira emissão após receber a classificação de “full investment grade” das agências Fitch e Moody’s.

Metade do volume foi emitida por meio da sua subsidiária JBS Finance Luxembourg, em notas sêniores, com valor de face de US$ 98,947, yield de 2,72% ao ano, cupom de 2,5% ao ano e vencimento em 2027.

A outra metade foi emitida por meio de suas subsidiárias JBS USA Lux, JBS USA Finance e JBS USA Food Company, em “sustainability-linked unsecured senior notes” atrelados ao compromisso de redução de emissões de gases de efeito estufa pela JBS, com valor de face de US$ 98,709, yield de 3,146% ao ano, cupom de 3,0% ao ano e vencimento em 2032.

“A JBS pretende utilizar os recursos das Notas 2027 para refinanciar compromissos de curto prazo, além de cobrir outros propósitos corporativos gerais”, disse a empresa.

3- Lira diz que Congresso recorrerá de decisão do STF sobre emendas de relator

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, afirmou que o Congresso vai recorrer da liminar do Supremo Tribunal Federal (STF) que suspendeu o pagamento das chamadas emendas de relator ao Orçamento.

Em entrevista à CNN Brasil em Lisboa, Lira disse que os parlamentares irão esperar a publicação do acórdão da corte para entrar com os chamados embargos de declaração, em que são pedidos esclarecimentos sobre os pontos da decisão, e, eventualmente, modificá-la.

Lira disse ainda que o Congresso já decidiu que o relator do Orçamento irá incluir, na colocação das emendas, de qual parlamentar foi o pedido que está sendo atendido.

Segundo o presidente da Casa, existe uma preocupação de resolver em breve a situação porque, com a virada do ano, diversas emendas ficarão sem atendimento e prejudicarão vários municípios.

As chamadas emendas de relator vêm sendo usadas pelo governo do presidente Jair Bolsonaro e pelos líderes do Congresso para beneficiar parlamentares que votem a favor dos interesses do Executivo.

4- Administração Lula terá que enfrentar déficit muito grande, diz diretor da Eurasia

Embora vislumbre uma campanha do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do Partido dos Trabalhadores mais direcionada para o centro no campo econômico, o diretor para as Américas do Eurasia Group, Christopher Garman, entende que uma administração do petista irá enfrentar um déficit público muito grande, o que tornará o seu governo muito difícil.

Para Garman, que participa agora do 11º Bradesco BBI CEO Forum, o PT vê como melhor script a apresentação do ex-presidente como um candidato que pode unir o país contra uma administração que dividiu o país.

Garman destaca que uma administração Lula vai entregar mais gastos em medidas sociais. “Na medida em que Lula escolher o seu vice e mostrar uma coalizão mais ampla, ele vai mostrar que vai fazer mais gastos e ao mesmo tempo vai tentar ancorar as expectativas dos mercados para evitar minar mais o crescimento. Esse é principal desafio que vejo para a administração do PT”, disse Garman.

Contudo, segundo o diretor da Eurasia, quando o povo olhar para a degradação social que agora se vê no país, Lula terá menos dificuldades para se colocar como bom candidato porque os seus problemas com corrupção antes da pandemia serão vistos como menores perto da deterioração da qualidade de vida das pessoas.

Sobre um eventual segundo mandato de Bolsonaro, Garman disse entender que será mais do mesmo.

5- Decisão final sobre comando do Fed deve sair em breve

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, afirmou na terça-feira (16) que espera ter uma decisão final sobre o comando do Federal Reserve (Fed) em quatro dias.

Questionado por repórteres, o democrata indicou que a definição sobre uma potencial recondução de Jerome Powell à presidência do Fed ou da atual diretora da autoridade monetária Lael Brainard para o cargo deve ocorrer ainda nesta semana.

Ambos foram entrevistados por Biden para o posto.

(*Com informações de Reuters e Estadão Conteúdo)

Veja também

Invista de um jeito simples, sem economês. Aproveite a plataforma mais simples do mercado. Vem pro Nu invest!

Anúncio Patrocinado Probabilidades Samy Dana Probabilidades Samy Dana
ANÚNCIO PATROCINADO      Novidade Carteita TOP FII Junho

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Anúncio Patrocinado Cripto no App Nu