Siga nossas redes

Geral

Ficou sabendo? Fintech Clara muda sede para o Brasil; lançamento da IBM

E mais: Amazon está em negociação para se tornar investidor âncora na Arm antes de IPO, diz Reuters.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 3 minutos

Fintech Clara muda sede para o Brasil após receber licença do BC

A fintech Clara está mudando sua sede do México para o Brasil depois de obter uma licença do Banco Central brasileiro para operar como instituição de pagamento, uma mudança que deve impulsionar a expansão da empresa no país que a companhia acredita que irá se tornar seu principal mercado no próximo ano.

O presidente-executivo Gerry Giacoman disse em entrevista que a decisão do BC, publicada nesta quarta-feira no Diário Oficial da União, permitirá à Clara lançar novos produtos na maior economia da América Latina, onde suas transações mensais já somam cerca de R$ 100 milhões.

Cartões de crédito corporativos Clara Clara Corporate/Handout via REUTERS

A meta para o provedor de cartão de crédito corporativo, que também oferece produtos de gerenciamento de despesas, é dobrar esse valor em 2024, disse Giacoman. Com a licença de instituição de pagamento, observou o executivo, a Clara poderá expandir sua presença no Brasil, oferecendo produtos como transferências por TEDs e depósitos via Pix.

IBM lançará Llama 2 da Meta em plataforma de IA para empresas

A IBM (IBMB34) disse nesta quarta-feira que hospedará o programa de linguagem de inteligência artificial da Meta em sua própria plataforma corporativa de IA, watsonx.

A plataforma watsonx da IBM, que ajuda as empresas a integrar a inteligência artificial em seu fluxo de trabalho, fornece acesso antecipado ao Llama 2 da controladora do Facebook para alguns clientes.

Logo da IBM em Toronto, Canadá 19/10/2017 REUTERS/Chris Helgren/Arquivo

Desde que o lançamento do ChatGPT, no final do ano passado, despertou o interesse entre consumidores e empresas, as empresas têm procurado cada vez mais incorporar a IA em seus processos para melhorar a eficiência e obter recursos avançados.

Amazon está em negociação para se tornar investidor âncora na Arm antes de IPO, diz Reuters

A Amazon.com (AMZO34)  está em negociações para ingressar como investidor fundamental em outras empresas de tecnologia como a desenvolvedora de chips Arm, do SoftBank, antes de sua oferta pública inicial (IPO), disseram à Reuters fontes familiarizadas com o assunto na terça-feira.

O envolvimento potencial da Amazon no IPO, que não foi relatado anteriormente, ressalta a importância da Arm na computação em nuvem. A Amazon Web Services, o negócio de nuvem da gigante da internet, fabrica seu próprio chip de processamento chamado Graviton, usando o design da Arm.

A empresa de chips planeja estar listada na Nasdaq no início de setembro, de acordo com uma das fontes. A Arm busca levantar de US$ 8 bilhões a US$ 10 bilhões.

(*Com informações da Reuters.)

Veja também

ANÚNCIO PATROCINADO Confira

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.