Siga nossas redes

Negócios

Venda de imóveis cresce 8,7% em 12 meses, mostra indicador

Por outro lado, houve uma queda de 22,7% no volume de imóveis lançados no mesmo período.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 2 minutos

As vendas de imóveis registraram uma alta de 8,7% no acumulado de 12 meses até fevereiro, totalizando 152.676 unidades habitacionais, segundo o indicador ABRAINC-FIPE – pesquisa elaborada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE), com dados de 20 empresas associadas à Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (ABRAINC) –, divulgada na sexta-feira (12).

A pesquisa ainda mostrou que, no mesmo período, a entrega de imóveis cresceu 11,7%, resultando em 90.079 unidades habitacionais transferidas aos proprietários. Somente no último trimestre móvel (dezembro de 2022 e janeiro e fevereiro de 2023), houve uma alta de 39,2% das entregas, somando 24.004 unidades habitacionais.

Imóveis, imobiliário. Fonte: Freepik.

Por outro lado, houve uma queda de 22,7% no volume de imóveis lançados no acumulado de 12 meses até fevereiro, registrando 120.254 unidades habitacionais. No trimestre móvel, a queda foi ainda maior, de 52,5%, para 22.547 unidades habitacionais. 

Intenção de compra

O Raio-X FipeZAP+, que monitora o mercado imobiliário, também divulgado no fim da semana, mostrou que, em relação à participação do perfil de compradores em potencial, 40% dos respondentes do 1º trimestre de 2023 declararam intenção de adquirir imóvel nos próximos três meses.

Isso representa um recuo de 4 pontos percentuais em relação ao trimestre anterior (44%) e o menor patamar desde o primeiro trimestre de 2020 (36%). Comparativamente, a média histórica é ligeiramente inferior (38%). 

Veja também

ANÚNCIO PATROCINADO Confira

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.