Siga nossas redes

Cafeína

Muito acima da Selic: 13 fundos imobiliários que pagam até 17,7% ao ano

O Cafeína pediu a Economatica um levantamento com os FIIS que paguem em rendimentos pelo menos um ponto percentual acima da atual taxa de juros.

Com a taxa Selic tendo alcançando os 11,75% ao ano e com sinalizações de que o Banco Central fará mais um ajuste na próxima reunião do Copom, o Cafeína pediu a Economatica um levantamento com os fundos imobiliários que paguem em rendimentos pelo menos um ponto percentual acima da atual taxa de juros (12,7%).

O levantamento da plataforma de dados considerou os dividend yields distribuídos nos últimos 12 meses encerrados em 21 de março deste ano e os FIIs que compõem o IFIX (índice de fundos imobiliários). Veja abaixo:

Também foram avaliados os FIIs que tiveram a maior valorização ou desvalorização das cotas, porém, em dois cenários. Um com o reinvestimento dos dividendos para a compra de novas cotas e outro sem. O FII Urca Prime Renda (URPR11) foi destaque. O retorno da cota com reinvestimentos foi de 26,36%, quanto sem reinvestimentos foi de 5,02%.

Já o FII SP Downtown (SPTW11) foi o único fundo que ficou no campo negativo quanto a valorização das cotas em ambos os cenários. Neste Cafeína, Samy Dana e Dony De Nuccio explicam o motivo assim como fazem uma análise dos FIIs que vêm se destacando.

Este conteúdo é de cunho jornalístico e informativo e não deve ser considerado como oferta, recomendação ou orientação de compra ou venda de ativos.

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.

Últimas