Siga nossas redes

Estamos enfrentando problemas na leitura da API responsável por mostrar dados nesta página, o que pode afetar a exibição de informações atualizadas. Nossa equipe está trabalhando na resolução do problema. Enquanto isso, você pode continuar navegando normalmente.

XP PROPERTIES

O XPPR11 – XP Properties – é um fundo de investimento imobiliário (FII) de gestão ativa tipo híbrido, com foco em imóveis do tipo lajes corporativas. O fundo é gerido pela XP Vista Asset Management (XPBR33) e Administrado pela Vórtx. Possui um patrimônio líquido de R$ 1,04 bilhões sob gestão.

Seu foco são empreendimentos lajes corporativas. O fundo detém 100% de participação em quatro prédios na cidade de São Paulo e dois na cidade de Barueri, operando com contratos 100% típicos.

Regulamento de XPPR11

O regulamento de XPPR11 prevê o investimento majoritário de seus ativos em imóveis geradores de renda, permitindo ainda a aquisição de cotas de fundos imobiliários, de ações de empresas que operam no ramo imobiliário e afins. O fundo não possui, em seu regulamento, nenhuma espécie de restrição à concentração de ativos.

O fundo possui como benchmark o índice IPCA acrescido de um spread de 6%. Possui uma taxa de administração em cascata entre 0,95% e 0,75% a.a sobre o valor de mercado do fundo e uma taxa de performance de 20% sobre o que exceder o IPCA. O fundo tem como Data-COM o último dia útil do mês, e a data-Ex o 1º. Paga dividendos no 10º dia útil do mês.  

Histórico de XPPR11

XPPR11 realizou seu IPO em dezembro de 2019, a R$ 100,00, fazendo parte do IFIX, índice de referência de FIIs na B3, a partir de 2020. 

Desde o IPO atingiu máxima de valorização em janeiro de 2020, a R$ 123,23 e mínima em agosto de 2021, a R$ 43,23, devido a uma queda recorrente nos dividendos distribuídos. O motivo foi um aumento de 45% de vacância física para 48% de vacância física no mês.

A distribuição de dividendos média por cota é de R$ 0,45 a.m., a um DY de 11,71%. O fundo passou por 2 emissões de cotas, desde seu IPO, uma em 2019 e outra em 2020.

*Conteúdo foi atualizado em setembro de 2022