Siga nossas redes

Criptonews

Brasil terá sua 1ª cidade com criptomoeda própria ainda em 2022

Com o BC Token, Balneário Camboriú será a primeira cidade da América Latina a ser tokenizada.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 3 minutos

Ilustração de uma lupa apontada para diversos desenhos coloridos e psicodélicos

ARTIGO*

Apostando na transparência e acessibilidade oferecidos pela tecnologia do blockchain, até setembro de 2022, Balneário Camboriú, no interior de Santa Catarina, vai se tornar a primeira cidade tokenizada da América Latina com o lançamento da sua criptomoeda própria, o BC Token.

Diferente da proposta do Real Digital (CBDC), moeda virtual que será lançada e administrada pelo governo brasileiro, o BC token não será controlado por qualquer entidade central. Ou seja, assim como o bitcoin (BTC) e o ethereum (ETH), a criptomoeda será descentralizada.

O ativo digital vai ser criado pela empresa Wayne Soluções Digitais e o projeto está sendo desenvolvido pela IHit Full HUB, uma startup com foco em soluções  inteligentes para o posicionamento digital e vendas online.

Funções do BC Token

Inicialmente, o BC Token servirá exclusivamente para pagamentos e recebimentos na badalada cidade. Porém, a criptomoeda BC Token vai permitir a seus usuários:

  • Efetuar transferências instantâneas e seguras, para qualquer lugar do mundo usando apenas app de celular, a carteira virtual app BCwallet.
  • Fazer pagamentos com extrema facilidade e um custo muito baixo.
  • Descontos em atrações de turismo e entretenimento na cidade.
  • Facilidade na troca da criptomoeda por Real (R$).

Além disso, conforme divulgado pela própria cidade, a plataforma da criptomoeda BC Token também vai permitir funções comerciais conectadas aos NFTs (tokens não fungíveis) e metaverso, como visitas virtuais a imóveis na cidade para compra, venda ou locação.

O início de uma nova era

As criptomoedas, chegaram para revolucionar o comércio global, especialmente pelas facilidades de câmbio.

Apesar de inicialmente o BC Token ser restrito ao comércio local, já é motivo suficiente para a cidade catarinense se tornar referência na utilização deste tipo de tecnologia e atrair muitos turistas e entusiastas das criptomoedas.

Não à toa, o governo da Tailândia, por exemplo, país que tem o turismo como uma das principais atividades econômicas formadoras do seu Produto Interno Bruto (PIB), anunciou que também está trabalhando para implementar sua própria criptomoeda.

*Mayara é co-autora do livro “Trends – Mkt na Era Digital”, publicado pela editora editora Gente. Multidisciplinar, apaixonada por tecnologia, inovação, negócios e comportamento humano.

*As informações, análises e opiniões contidas neste artigo são de inteira responsabilidade do autor e não do InvestNews.


Veja também

Faça seu dinheiro começar a render mais hoje! Vem pro Nu invest!

Anúncio Patrocinado Probabilidades Samy Dana Probabilidades Samy Dana
ANÚNCIO PATROCINADO      Carteira de Dividendos Julho

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Anúncio Patrocinado Cripto no App Nu