Siga nossas redes

Geral

5 fatos para hoje: recorde do bitcoin, Pazzuelo fica e produção da China

Criptomoeda ultrapassou o patamar de U$ 60 mil pela primeira vez.

Publicado

em

por

InvestNews*
BITCOIN

Bitcoin bate recorde

O bitcoin atingiu recorde histórico neste sábado (13), ultrapassando o patamar de U$ 60 mil pela primeira vez.

A criptomoeda, que atingiu U$ 60.120 em seu melhor nível na sessão até 9h20, subiu mais de 2% em relação ao recorde anterior de U$58.354,14 atingido em 21 de fevereiro.

Pazzuelo fica, diz governo

O Ministério da Saúde informou neste domingo que o ministro Eduardo Pazuello segue à frente da pasta, depois que o jornal O Globo publicou que ele pediu ao presidente Jair Bolsonaro para deixar o cargo.

“O Ministério da Saúde informa que o ministro Eduardo Pazuello segue à frente da pasta, com sua gestão empenhada nas ações de enfrentamento da pandemia no Brasil”, afirmou o ministério em comunicado.

Mais tarde, o ministério mandou uma nova versão da nota com mais um parágrafo, afirmando que não houve pedido de demissão. “Esclarecemos, ainda, que Pazuello se encontra em perfeito estado de saúde e não há nenhum pedido de demissão do ministro ao presidente da República.”

Tesouro divulga cronograma de leilões de títulos públicos do segundo trimestre

O Tesouro Nacional divulgou o cronograma dos leilões de títulos públicos do segundo trimestre de 2021. Entre as mudanças em relação ao do primeiro trimestre, a instituição alterou o prazo das Letras do Tesouro Nacional (LTN) com vencimento curto, passando a ofertar papéis para 1/1/2022 e 1/7/2022 de forma alternada a cada semana, no lugar das LTN para 1/10/2021 e 1/4/2022 ofertadas no primeiro trimestre.

Com relação aos prazos intermediários e longos, permanecem as ofertas semanais de títulos para 1/1/2023 e 1/7/2024.

O calendário contempla apenas os leilões tradicionais, sem previsão de operações de troca. Os leilões do segundo trimestre têm início no dia 1º de abril (quinta-feira).

Produção industrial da China registra alta anual

A produção industrial chinesa do primeiro bimestre de 2021 cresceu 35,1% em relação a igual período de 2020, informou o Escritório Nacional de Estatísticas (NBS, na sigla em inglês) do país neste domingo, 14 (pelo horário de Brasília). O resultado superou a expectativa de economistas consultados pelo Wall Street Journal, que previam alta de 30,5%.

Na comparação com o primeiro bimestre de 2019, a produção industrial avançou 16,9%. Na margem, em fevereiro, o indicador avançou 0,69%. As vendas do varejo da China avançaram 33,8% no primeiro bimestre do ano em relação ao mesmo período de 2020, segundo o NBS.

Os investimentos em ativos fixos tiveram alta de 35,0% no período, na comparação interanual, aquém das previsões de crescimento de 38,2%. Segundo o NBS, o resultado equivale a uma expansão de 3,5% em relação ao primeiro bimestre de 2019. Fonte: Dow Jones Newswires.

STF concede prisão domiciliar a deputado Daniel Silveira

O Supremo Tribunal Federal concedeu prisão domiciliar ao deputado Daniel Silveira (PSL-RJ), preso em 16 de fevereiro após ataques ao STF e a seus ministros e por defesa de atos antidemocráticos como o AI-5, um dos mais duros instrumentos de repressão do regime militar.

“Os fatos criminosos praticados por Daniel Silveira são gravíssimos”, escreveu na decisão o ministro Alexandre de Moraes, publicada neste domingo. “As reiteradas condutas ilícitas do denunciado, igualmente, revelam sua periculosidade.”

Porém, Moraes afirma que “conforme salientado pela Procuradoria Geral da República, não se faz necessária, ao menos no presente momento, a manutenção da extrema restrição à liberdade” de Silveira.

*Com Reuters e Estadão Conteúdo


Ganhe dinheiro com as variações cambiais enquanto seu patrimônio fica protegido. Invista em Dólar!

Anúncio Patrocinado Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem! Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem!