Siga nossas redes

Negócios

Após 3 anos como patrocinadora, Americanas desiste do BBB em 2023

Decisão vem em meio a escândalo de inconsistência contábil; Mercado Livre será o substituto.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 3 minutos

Ação de Páscoa da Americanas no BBB 22 (Foto: Divulgação)
Ação de Páscoa da Americanas no BBB 22 (Foto: Divulgação)

A Americanas (AMER3) informou nesta sexta-feira (13) que desistiu de patrocinar o Big Brother Brasil, o BBB. A decisão ocorre após 3 anos da empresa na lista das principais patrocinadoras do programa, e vem em meio ao escândalo sobre problemas na contabilidade da varejista na ordem de R$ 20 bilhões

“A Americanas S.A. informa que cancelou sua participação no BBB23. Neste momento, a companhia está focada na gestão do negócio e no propósito de oferecer a melhor experiência a seus clientes, parceiros e fornecedores. A TV Globo segue como relevante parceira na estratégia de marketing e comunicação da Americanas S.A.”

COMUNICADO DA EMPRESA

Sai Americanas, entra Mercado Livre

Após o anúncio da Americanas, foi anunciado que o Mercado Livre (MELI34) será o substituto no posto de patrocínio. Segundo a empresa, o contrato inclui participação em provas e atividades rotineiras do programa, como festas e ativações pontuais.

“Será uma grande oportunidade de potencializar as conexões com o público consumidor e empreendedores de todo o país, comunicando benefícios e vantagens de todo nosso ecossistema”, disse em nota Cesar Hiraoka, diretor de Marketing do Mercado Livre.

Em nota, a Globo informou que “fica feliz de contar com Mercado Livre no BBB23 e compreende perfeitamente a decisão de Americanas de focar na gestão do negócio nesse momento”. “Parceiras de longo prazo da Globo, as duas marcas contam com o nosso apoio”, diz ainda a emissora.

Em 2022, Vitor Monte, head de marketing da Americanas, chegou a comentar ao InvestNews sobre o impacto positivo do BBB para as vendas da empresa. “Na categoria de mercado da Americanas, a média móvel de pedidos cresceu 60% entre os meses de janeiro e março deste ano. Já em relação ao ano de 2021, as visitas à categoria de mercado da marca acumuladas até a 10ª inserção no programa cresceram 130%”, contou à época.

Entenda o caso

A revelação pela Americanas de inconsistências contábeis de cerca de R$ 20 bilhões tem mexido fortemente com o mercado e despertado dúvidas sobre a empresa.

A ação de Americanas (AMER3) chegou a perder R$ 8,37 bilhões em valor de mercado em um único dia, nesta quinta-feira (12). A perda equivale a duas vezes o valor de mercado da concorrente Via (VIIA3), segundo levantamento do TradeMap. O papel AMER3 derreteu 77% no pregão. Nesta sexta, a ação voltou a subir, mas sem recuperar as perdas do dia anterior.

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) abriu nesta quinta-feira, 12, mais um processo administrativo – o terceiro – para apurar as condutas relacionadas à falha contábil

Veja também

ANÚNCIO PATROCINADO Confira

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.