Siga nossas redes

Negócios

Privatização da Eletrobras: BNDES altera audiência para janeiro

O governo manteve a previsão de realizar a capitalização da Eletrobras antes de junho de 2022, apoiado em decisão do Tribunal de Contas da União (TCU).

Publicado

em

por

Tempo médio de leitura: 2 minutos

Logo da Eletrobras na bolsa de valores de Nova York, EUA
09/04/2019 REUTERS/Brendan McDermid

A data da audiência pública do processo de desestatização da Eletrobras (ELET3ELET6) foi alterada, passando do dia 22 de dezembro para 5 de janeiro, conforme aviso do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) publicado no Diário Oficial da União.

A informação foi publicada em comunicado da Eletrobras ao mercado nesta segunda-feira (20).

O governo manteve a previsão de realizar a capitalização da Eletrobras antes de junho de 2022, apoiado em decisão do Tribunal de Contas da União (TCU) que permitiu a continuidade dos estudos para a privatização ainda que alguns ministros do TCU tenham feito ressalvas.

O TCU decidiu acatar o pedido de vistas do ministro Vital do Rêgo sobre o processo de privatização da Eletrobras, e a análise do caso ficará para 2022.

Na noite de sexta-feira, a Eletrobras lançou seu novo plano diretor de negócios e gestão, referente ao período de 2022 a 2026, que inclui a capitalização da empresa, no âmbito da privatização da companhia.

O plano prevê um investimentos de R$ 48,3 bilhões, um aumento de quase 90% em relação ao plano anterior, que, excluindo Angra 3, previa um investimento de R$ 25,8 bilhões.

Veja também

Com o Tesouro é assim: você empresta dinheiro para o Governo a troco de juros. Bora investir? Aproveite hoje!

Anúncio Patrocinado Super Week Temporada de balanços Super Week Temporada de balanços
ANÚNCIO PATROCINADO      Conheça a carteira recomenda de dividendos

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Anúncio Patrocinado Carteira Top 10