Siga nossas redes

Negócios

Braskem avalia parceria em unidade de biopolímeros

A companhia informou que não tem qualquer “compromisso ou obrigação” para eventual cisão ou IPO de seu negócio de biopolímeros.

Publicado

em

por

Tempo médio de leitura: 2 minutos

Braskem
braskem – ebc

Braskem (BRKM5) disse nesta quarta-feira que trabalha por meio de potenciais parcerias estratégicas e financeiras para atingir a meta de capacidade de produção do chamado “plástico verde“, mas que não tem qualquer “compromisso ou obrigação” para eventual cisão ou IPO de seu negócio de biopolímeros.

O posicionamento ocorre após o jornal Valor Econômico dizer nesta quarta-feira que a Braskem contratou o Citi para uma potencial cisão de sua divisão de biopolímeros, citando fontes não identificadas.

A Braskem afirmou que possui um compromisso de atingir 1 milhão de toneladas de capacidade de produção de plástico verde até 2030 e que as potenciais parcerias a ajudariam a entregar esse objetivo.

A unidade de biopolímeros, que produz resinas por meio de fontes renováveis, busca levantar cerca de US$ 500 milhõespor meio de uma oferta pública inicial de ações (IPO) ou de uma parceria, segundo o jornal.

A divisão é avaliada em cerca de US$ 2 bilhões, diz o Valor.

Veja também

Investir em Ações é ainda mais fácil com taxa de corretagem ZERO! Aproveite agora

Anúncio Patrocinado Super Week Temporada de balanços Super Week Temporada de balanços
ANÚNCIO PATROCINADO      Conheça a carteira recomenda de dividendos

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Anúncio Patrocinado Carteira Top 10