Siga nossas redes

Cafeína

Reforma Tributária: Brasil cobra mais impostos do que outros países?

No Cafeína de hoje, Samy e Dony mostram como é a política de impostos no Brasil e no mundo.

Publicado

em

No ano de 2020, o brasileiro trabalhou mais de cinco meses para o pagamento de taxas, impostos e contribuições. Todos os tributos somados (federais, estaduais e municipais) levaram 41% do salário do brasileiro.

Quando comparado com outros países, o Brasil só ganha de Itália, Suécia, Áustria, Noruega, Finlandia, França, Bélgica e Dinamarca. Já Estados Unidos e Chile são os países em que os trabalhadores dispõem de menos dias para o fisco – 74 dias para os americanos e 68 para os chilenos.

Na outra ponta, as empresas brasileiras precisam trabalhar em média 1.500 horas por ano para o pagamento de impostos. Ou seja: o Brasil é onde se gasta mais tempo para lidar com a burocracia tributária no mundo. Sem contar os 162 bilhões de reais gastos por ano para se ajustar a mais de 4.300 normas tributárias que mudam quase que diariamente.

No Cafeína de hoje, Samy Dana e Dony De Nuccio mostram como é a política de impostos no Brasil e no mundo além de jogar luz sobre a necessidade de uma boa reforma tributária.

Leia mais: Imposto de Renda 2021| Como declarar ações, BDRs, ETFs e dividendos?

Por que investir em CDB? 3 coisas que você precisa saber

Quer segurança e rentabilidade acima da poupança para seus investimentos? Invista em CDB!

Anúncio Patrocinado Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem! Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem!