Siga nossas redes

Finanças

Méliuz deixa carteira de small caps da NuInvest em julho; Minerva entra

Analista reduziu peso de Petz e Jalles Machado e elevou participação de Irani.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 3 minutos

A corretora NuInvest decidiu incluir o papel da produtora de carnes Minerva (BEEF3) e retirar a ação da empresa de cashback Méliuz (CASH3) de sua carteira de small caps recomendadas para o mês de julho.

“O risco da tese aumentou e não abrimos mão de mantê-lo controlado por aqui”, justifica Breder ao comentar a retirada de Méliuz do portfólio. “Nesse cenário de maior aversão ao risco, o mercado tem buscado se proteger em empresas geradoras de caixa, pagadoras de dividendos e com múltiplos baixos. Este não é o caso de Méliuz”, explica em relatório o analista Murilo Breder, responsável pela seleção.

Ele cita que a empresa, em seu último resultado trimestral, embora tenha surpreendido de forma positiva com o volume de vendas (GMV) e a quantidade total de compradores, anunciou um Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) negativo, influenciado justamente por maiores despesas com pessoal.

Petz e Jalles Machado perdem participação

Segundo Breder, responsável pela seleção dos ativos, a carteira de julho também indica aumentar posição na empresa de papéis para embalagem Irani (RANI3), passando de um peso de 5% para 10%.

Para justificar o aumento de peso de Irani na carteira, Breder cita que a companhia é geradora de caixa, com endividamento controlado, pagadora de dividendos e métricas de rentabilidade (ROIC) crescentes trimestre após trimestre.

Mercado de gado Liniers em Buenos Aires
Crédito: Minerva Foods

Na carteira de julho, a NuInvest também aproveitou para reduzir os pesos em Jalles Machado (JALL3) de 15% para 10% e Petz (PETZ3) de 15% para 5%. Segundo Breder, esse movimento abre espaço para a chegada de Minerva. “As mudanças visam distribuir melhor as alocações, reduzindo as concentrações em ativos específicos, trazendo uma maior segurança ao portfólio como um todo”.

No relatório, o analista da NuInvest lembra que o mês de junho foi amargo para a bolsa brasileira, sobretudo para as empresas de menor porte. “Embora o cenário continue incerto e não há como garantir que a recuperação virá imediatamente, as coisas são cíclicas, as small caps nos parecem muito baratas, estão muito para trás e o som dos canhões está por todos os lados. É hora de comprar”, acrescenta.

Desempenho

Nos últimos 12 meses, a carteira de small caps acumulou queda de 37,36%, contra 9,60% do índice de small caps da B3 (SMLL) e desvalorização de 22,29% do Ibovespa (IBOV) no mesmo período. Desde o início ca carteira, em 1º de outubro de 2020, a carteira sobe +0,01% contra queda de 19,50% do SMLL e alta de 3,21% do Ibovespa.

Carteira recomendada de small caps da NuInvest para julho:

EmpresaCódigoAlocaçãoPotencialComprar AtéRetornoData de Entrada
MinervaBEEF315%+16.4%R$16+4.16%01/07/2022
3R PetroleumRRRP310%+66.6%R$59+1.95%01/02/2022
ArezzoARZZ310%+43.6%R$100+0.2%01/05/2022
BrasilAgroAGRO310%+51.0%R$37+1.19%10/10/2020
FerbasaFESA410%+19.0%R$54-1.61%01/02/2021
IraniRANI310%+51.0%R$10-0.75%01/01/2021
Jalles MachadoJALL310%+54.4%R$12+1.43%01/12/2021
Kepler WeberKEPL310%+47.0%R$22+2.46%01/10/2020
AerisAERI35%+137.%R$6-9.97%01/07/2021
Aura MineralsAURA335%+146.%R$82-2.3%01/04/2021
PetzPETZ35%+156.%R$25-1.82%01/06/2021

Veja também:

Compre Ações em apenas 3 cliques e aproveite taxa ZERO de corretagem! Invista já

Anúncio Patrocinado Probabilidades Samy Dana Probabilidades Samy Dana
ANÚNCIO PATROCINADO      Carteira de Dividendos Agosto

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Anúncio Patrocinado Cripto no App Nu