Siga nossas redes

Geral

5 fatos para saber hoje: Câmara vota crédito para micro e pequenas empresas

Saiba mais sobre o programa de crédito que vai ser votado na Câmara e a previsão de reabertura da Itália.

Publicado

em

por

InvestNews
Rodrigo Maia
Rodrigo Maia assinou Foto: Reprodução Agência Brasil

1 – Itália deve começar reabertura econômica em 4 de maio, mas de modo gradual

O primeiro-ministro da Itália, Giuseppe Conte, confirmou nesta terça-feira (21) que o país pode começar sua reabertura econômica em 4 de maio. Ele minimizou qualquer esperança, porém, de um relaxamento total em algumas das medidas mais estritas de quarentena em vigor entre as democracias ocidentais.

“Muitos cidadãos estão cansados dos esforços que têm sido feitos até agora e gostariam de um relaxamento significativo dessas medidas, ou mesmo sua total abolição”, afirmou Conte no Facebook. “Uma decisão desse tipo seria irresponsável.”

Conte disse que as medidas para relaxar as restrições devem ser anunciadas antes do fim desta semana. Também adiantou que serão levadas em conta as diferentes circunstâncias de cada região, nesse processo.

2 – Cerca de 80% dos consumidores só têm comprado o essencial

Quase 80% dos consumidores estão comprando apenas produtos essenciais em meio à quarentena para conter o avanço da covid-19, mostram recortes específicos das pesquisas de confiança na Fundação Getúlio Vargas (FGV). E, conforme dados prévios de abril, o setor empresarial que está mais pessimista com a crise econômica é a construção civil.

Em março, as pesquisas da FGV já haviam registrado fortes quedas na confiança, de consumidores e de empresários, por causa da pandemia. Por isso, para as sondagens de abril, que serão divulgadas na próxima semana, foram elaboradas questões específicas sobre a nova crise econômica. Com 85% das entrevistas já feitas, a FGV fez uma prévia dos resultados.

Entre os consumidores, 79,1% disseram que estão comprando apenas o essencial. Na média geral, apenas 15,4% do total de entrevistados responderam que, “por enquanto, não foram afetados”.

3 – Quarentena em SP faz aumentar reciclagem e diminuir produção de lixo

A quarentena na capital paulista está mudando o perfil do lixo produzido pelo paulistano. De acordo com a Autoridade Municipal de Limpeza Urbana (Amlurb), da prefeitura de São Paulo, o período de isolamento social fez com que houvesse queda de 56% nos resíduos recolhidos pela varrição das ruas, diminuição de 12% do lixo comum e aumento de 25% na coleta seletiva. Os dados consideram a primeira quinzena de abril em comparação a igual período do ano passado. 

A prefeitura considera lixo comum os resíduos produzidos nas residências e estabelecimentos comerciais pequenos, que geram até 200 litros de lixo por dia. A redução desse tipo de resíduo, segundo a Amlurb, deve-se ao fechamento temporário de serviços presenciais não essenciais no município no período da quarentena.

Segundo o levantamento, foram coletadas 4 mil toneladas de resíduos recicláveis nos primeiros 15 dias de abril. No mesmo período em 2019, foram recolhidas 3,2 mil toneladas, um crescimento de 25%. A elevação fez com que as centrais mecanizadas de triagem de lixo reciclável do município, que antes operavam com capacidade de 50%, passassem a trabalhar em 70%. 

4 – Trump anuncia suspensão temporária de imigração para os EUA

O presidente dos EUA, Donald Trump, ordenou a suspensão por 60 dias da emissão de “green cards” – o documento de residência permanente concedido a estrangeiros. Com o aprofundamento da recessão, em meio à pandemia de coronavírus, ele decidiu ainda proibir temporariamente a entrada de imigração.

A justificativa é de que é preciso garantir que americanos que estão desempregados tenham lugar no mercado de trabalho quando a economia voltar a funcionar. “Milhões de americanos sacrificaram seus empregos, temos o dever de assegurar que consigam recuperar seus trabalhos”, disse Trump.

Os Estados Unidos registraram 1.433 mortes ligadas ao novo coronavírus, provavelmente o “inimigo invisível” ao qual Trump se referiu, nas últimas 24 horas, um queda em relação à véspera, informou na noite desta segunda-feira (20) a Universidade John Hopkins. No total, o país tem 42.094 óbitos desde o início da epidemia – o que o torna o mais castigado em números absolutos de mortes.

5 – Câmara deve votar nesta quarta programa de crédito a micro e pequenas empresas

A Câmara dos Deputados deve votar nesta quarta-feira (22) o projeto de lei do Senado que institui o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte, chamado de Pronampe. O texto já foi aprovado pela Casa vizinha, no último dia 7, como parte do pacote de medidas do legislativo para atenuar os impactos do novo coronavírus na economia brasileira.

O projeto cria uma linha de crédito a micro e pequenas empresas durante a pandemia e prevê a destinação de R$ 10,9 bilhões do Tesouro para operacionalizar o financiamento.

A pauta desta quarta-feira também prevê a votação de requerimentos de urgência, como o do projeto que institui o empréstimo compulsório para atender às despesas urgentes causadas pela situação de calamidade.

*Com Estadão Conteúdo e Agência Brasil

Anúncio Patrocinado Não corra o risco de faltar dinheiro lá na frente. Não corra o risco de faltar dinheiro lá na frente.

O InvestNews é um canal de conteúdo multiplataforma que oferece a cobertura diária de notícias e análises sobre economia, investimentos, finanças, mercado financeiro, educação financeira, projeções, política monetária e econômica. Tudo o que mexe com o seu dinheiro você encontra aqui, com uma linguagem simples e descomplicada sobre o mundo da economia e dos investimentos.