Siga nossas redes

Geral

Pesquisa aponta os melhores horários para comprar na Black Friday

Estudo da Promobit identificou que nem sempre esperar meia-noite de sexta-feira é vantajoso.

Publicado

em

Black Friday

Esperar até meia noite de sexta-feira pode não ser o melhor horário para fazer compras na Black Friday pode não ser tão vantajoso, segundo um estudo da Promobit, plataforma especializada em promoções e descontos, divulgado nesta quinta-feira (25), véspera da data que marca o período de liquidações do varejo.

Segundo a pesquisa com dados do comércio, as lojas ainda esperam meia noite de sexta-feira para soltar um grande número de promoções, no entanto, isso representa menos de um terço das ofertas que aparecem após às 18h de quinta-feira.

Para chegar nesse valor, a plataforma avaliou os horários em que são postadas mais ofertas consideradas reais” (sem preços maquiados) nos últimos 3 anos e identificou a tendência dos anúncios de começarem bem antes da meia-noite.

“Antecipar as ofertas mais agressivas é uma estratégia usada por muitos varejistas para garantir a venda em um momento com menos concorrência. Inclusive, aqu, consideramos como Black Friday o período que vai de quinta-feira a partir das 19h até o fim de segunda-feira, pois também é comum apromoções durante o fim de semana, terminando somente no Cyber Monday”, explica por nota Fabio Carneiro, CEO do Promobit.

Promoções variam de ano para ano

Se na véspera é possível prever melhor quando apareceram as promoções, na sexta a concentração de anúncios varia bastante de um ano para outro. Enquanto em 2019 a Promobit identificou uma distribuição proporcional, com bem menos ofertas que na virada, em 2020 a empresa registrou um volume maior entre 10h e 15h, com picos próximos à meia-noite.

Carneiro explica no estudo que a sexta-feira depende bastante dos resultados de vendas entre 18h de quinta e 01h de sexta-feira, considerado o “horário de ouro” da Black Friday

Melhores horários por categoria

O estudo também revelou que essa tendência varia bastante entre os diferentes tipos de produtos. Na categoria de moda, considerada a mais desejada em pesquisa do próprio Promobit com mais de 5 mil brasileiros, os consumidores podem até mesmo ir dormir mais cedo. Para roupas e calçados femininos, o pico acontece às 21h de quinta, podendo se estender até às 22h e voltando a ter picos às 21h de sexta.

Já na categoria roupas e calçados masculinos, em 2020, o movimento seguiu quase idêntico ao feminino, mas em 2019 os maiores picos foram às 11h de quinta e à meia-noite. Por via das dúvidas vale entrar de manhã e voltar às 21h.

Já na categoria de smartphones, a pesquisa apontou um movimento parecido com o geral, mas com maior concentração entre 23h de quinta e 02h de sexta.

Na categoria de informática, que compreende um número maior de produtos, incluindo PCs, notebook e periféricos, os horários de pico podem variar mais, porém, ainda sim, o intervalo entre 19h de quinta e 02h de sexta possui boa concentração de ofertas.

Veja também

Faça seu dinheiro começar a render mais hoje! Vem pro Nu invest!

Anúncio Patrocinado Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem! Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem!