Siga nossas redes

Finanças

Ações do Banco Pan aceleram ganhos para 7%; BR Malls cede mais de 3%

Com forte peso no indicador, as ações da mineradora Vale operaram com ganhos.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 4 minutos

br malls

Em meio à virada do principal indicador da B3, o Ibovespa, nesta terça-feira (08), as ações do Banco Pan aceleraram os ganhos e passaram a liderar as altas do indicador embalados pela divulgação de balanço trimestral.

A Porto Seguro também operou com valorização em meio à divulgação de resultados, assim como os papéis da produtora de proteína animal Marfrig, que mantiveram viés de alta.

Na outra ponta do índice, as ações da administradora de shoppings BR Malls lideraram as perdas. As petroleiras 3R Petroleum e Petrobras também tiveram desempenho negativo repercutindo a queda no preço do petróleo.

Com forte peso no indicador, as ações da mineradora Vale operaram com ganhos.

Banco Pan

Depois de reportar lucro líquido de R$ 190,4 milhões no quarto trimestre de 2021, alta de cerca de 11% em comparação anual, o Banco Pan (BPAN4) subiu 7,87%, para R$ 10. Frente ao terceiro trimestre, o lucro líquido da companha ficou praticamente estável. Já a carteira de crédito total do Pan cresceu cerca de 21% no trimestre em comparação a um ano antes, para R$ 34,9 bilhões.

Porto Seguro

Porto Seguro (PSSA3) avançou 3,58%, para R$ 20,54. A empresa registrou lucro de R$ 532,8 milhões no 4º trimestre de 2021, equivalente a um aumento de 30,8% na comparação com o mesmo intervalo de 2020.

Marfrig e Rumo

A Marfrig (MFRG3) encerrou em alta de 4,98%, para R$ 21,91, dentre as principais altas do Ibovespa, enquanto a Rumo (RAIL3) avançou 4,71%, para R$ 15,57.

Em relatório, analistas do Goldman Sachs lembraram que as ações da empresa de logística estão com desempenho inferior, se comparado as demais companhias que fazem parte do seu universo de cobertura. O banco manteve posição neutra para os papéis à medida que enxerga o risco de queda tanto para sua estimativas de curto prazo quanto para o consenso da Bloomberg, enquanto a capacidade da Rumo de operar em preços/volumes dinâmicos ambiente ainda não foi comprovado.

BR Mals

A BR Malls (BRML3) caiu 3,64%, para R$ 9,27, no topo das quedas do Ibovespa. Reportagem do jornal Valor Econômico aponta que a companhia voltou à mesa de negociação com a Ancar, companhia detida pela Ivanhoe (do fundo canadense CDPQ) – também atuante no segmento de shoppings. De acordo com o veículo, as empresas tinham tentado uma fusão parcial de operações em 2020, mas encerraram as conversas sem consenso. Diante da abordagem da Aliansce, reabriram as tratativas nas últimas semanas, disseram três fontes do jornal.

3R Petroleum e Petrobras

A 3R Petroleum (RRRP3) cedeu 1,61%, para R$ 36,65, dentre as principais quedas do Ibovespa, assim como o papel preferencial da Petrobras (PETR4), que encerrou o pregão em queda de 1,44%, para R$ 34,97. As companhias repercutem a queda no preço do petróleo. De acordo com informações da Reuters, o mercado ainda reage ao avanço das negociações entre EUA e Irã, o que pode culminar em retirada de sanções nortes-americanas sobre o país, incluindo restrições de exportações da commodity.

A Petrobras também comunicou a assinatura de contratos com duas empresas do grupo da Yinson Production para afretamento e prestação de serviços do FPSO (plataforma flutuante) Maria Quitéria para o Projeto Integrado Parque das Baleias, que será instalado no Campo de Jubarte, localizado na Bacia de Campos.

Vale

A Vale (VALE3) subiu 1,40%, para R$ 91,39, em meio aos avanços nos preços do minério de ferro.

Veja também

Quer ganhar dinheiro com aluguéis e sem taxa de corretagem? Invista em Fundos de Investimento Imobiliários

Anúncio Patrocinado Probabilidades Samy Dana Probabilidades Samy Dana
ANÚNCIO PATROCINADO      Novidade Carteita TOP FII Junho

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Anúncio Patrocinado Cripto no App Nu