Siga nossas redes

Finanças

Bolsa volta aos 97 mil pontos à espera da apuração nos EUA; dólar cai

Apuração arrastada e cheia de incertezas mostra alta polarização nas eleições americanas.

Publicado

em

por

InvestNews
ibovespa b3 bolsa ações

O principal indicador da bolsa brasileira, a B3, fechou em alta nesta quarta-feira (4), com o mercado ainda de olho no cenário externo e as eleições presidenciais dos Estados Unidos. Já o dólar fechou em queda em relação ao real.

O Ibovespa fechou em alta de 1,97%, aos 97.866 pontos. Já o dólar dólar registrou queda de 1,8%, a R$ 5,657.

Investidores seguem acompanhando as apurações da disputa nos EUA, com os resultados preliminares apontado vantagem do democrata Joe Biden sobre o republicano Donald Trump. No entanto, Trump declarou vitória, disse que querem “roubar” as eleições e afirmou que irá à Justiça. Não há resultado definido.

Cenário interno

Nesta quarta, os investidores repercutiram positivamente a aprovação do texto-base da autonomia do Banco Central no Senado, que agora segue para a Câmara.

Outro dado do dia foi o da produção industrial, que cresceu 2,6% em setembro na comparação com agosto, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Foi a quinta alta mensal seguida, eliminando o forte recuo de 27,1% acumulado em março e abril. Em setembro, o nível da produção industrial ficou 0,2% acima do registrado em fevereiro, antes da pandemia de Covid-19.

Destaques da bolsa

A ação da Cyrela (CYRE3) liderou as altas do dia, com avanço de 7,27%. Em seguida vieram Lojas Renner (LREN3), com alta de 6,96%, e B2W (BTOW3), que subiu 6,59%.

Leia também:

Na ponta negativa, o destaque ficou por conta do setor siderúrgico, em um recuo após avanços nos pregões anteriores. A CSN (CSNA3) caiu 4,24%, maior recuo do índice, seguida pela Gerdau (GGBR4), que perdeu 3,88%. Ainda no setor, a Usiminas (USIM5) e a Vale (VALE3) caíram 3,45% e 2,78%, respectivamente.

Invista com rentabilidade altíssima alavancando seus ganhos! Invista em Índice!

Anúncio Patrocinado Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem! Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem!