Siga nossas redes

Finanças

Petrobras cai na B3 e em Nova York após troca de comando; PetroRio sobe quase 4%

Embraer cai após a União demonstrar intenção de reduzir encomendas de aeronaves da empresa.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 3 minutos

amostra de óleo da Petrobras

As ações da petroleira Petrobras encerraram em queda nesta terça-feira (24) em meio a mais uma troca de comanda na estatal. Os ADRs (recibos de ações negociados em Nova York) também cederam.

Mas quem ocupava uma das maiores baixas do principal indicador da B3, o Ibovespa, era a fabricante de aeronaves Embraer após a União demonstrar intenção de reduzir encomendas de aeronaves da empresa.

Na outra outra ponta, a petroleira PetroRio teve a melhor performance em dia de altas amenas entre as empresas que compõem o indicador, na contramão das siderúrgicas e da mineradora Vale.

A empresa de energia CPFL também subiu depois que a companhia informou a entrada em operação do empreendimento de Maracanaú, no Ceará.

Confira os destaques registrados no dia:

Petrobras

As ações preferenciais PETR4 da Petrobras declinaram 2,92%, para R$ 31,6, enquanto as ações ordinárias PETR3 caíram 2,85%, para R$ 34,4. Na mínima do dia, os papéis chegaram a recuar 5,62% e 4,66%, respectivamente.

A baixa ocorre após o presidente da empresa José Mauro Ferreira Coelho ser dispensado do cargo que assumiu há 40 dias, segundo informações divulgadas na véspera pelo ministério de Minas e Energia.

É a terceira demissão na chefia da estatal desde o início do governo de Jair Bolsonaro, todas motivadas pela tentativa do presidente de resolver a crise causada pelo aumento constante dos preços dos combustíveis. O governo brasileiro convidou Caio Paes de Andrade para assumir o comando.

Além disso, a data de corte para o recebimento de dividendos anunciados no último dia 5 pela estatal, no valor de R$ 3,715 por ação preferencial e ordinária, terminou ontem, o que também ajuda a explicar os descontos nos preços dos papéis.

Em Nova York, os papéis da petroleira chegaram a despencar 11% no pré-mercado (negociações antes do pregão) e fecharam em queda de 3,8%, para US$ 14,23.

Embraer e Azul

A Embraer (EMBR3) encerrou a sessão com desvalorização de 5,61%, para R$ 12,11. A fabricante informou que tomou conhecimento, na noite de ontem, da intenção da União de reduzir unilateralmente de 22 para 15 o número total de aeronaves referentes aos contratos firmados em 2014 com a companhia.

“Conforme comunicado em Fato Relevante emitido pela companhia em 9 de fevereiro de 2022, o complexo processo de negociação entre a Embraer e a Força Aérea Brasileira resultou na celebração de aditivos aos contratos, os quais passaram a contemplar a entrega 22 aeronaves KC-390 Millennium. Não há previsão contratual de redução adicional”, escreveu a companhia em comunicado.

Commodities

Além da Petrobras, o dia foi levemente negativo para a siderúrgica Usiminas, enquanto a PetroRio e a 3R Petroleum tiveram desempenho positivo mesmo diante da queda nos preços dos contratos futuros do petróleo.

TickerCotação em R$Variação em %
PRIO3 27,193,9
RRRP3 45,23,39
CSNA3 20,961,6
VALE3 84,041,35
USIM3 11,030,73
GGBR3 22,520,40
GGBR4 29,11,29
USIM5 11,44-0,09
PETR3 34,4-2,85
PETR4 31,6-2,92

CPFL

CPFL (CPFE3) subiu 2,49%, para R$ 36,60, depois que a companhia informou a entrada em operação do empreendimento de Maracanaú, no Ceará, composto pelas linhas de transmissão LT C-1 CE -CPFL Maracanaú e a nova subestação Maracanaú II, a partir da obtenção do Termo de Liberação Definitivo emitido pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) para as instalações. O dia é positivo para outras companhias de energia.

Veja também

Home Broker do Nu invest: mais rapidez e recursos para você, com taxa ZERO de corretagem em Ações! Aproveite já

Anúncio Patrocinado Probabilidades Samy Dana Probabilidades Samy Dana
ANÚNCIO PATROCINADO      Novidade Carteita TOP FII Junho

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Anúncio Patrocinado Cripto no App Nu