Siga nossas redes

Mais Investnews

Ações de frigoríficos sobem na bolsa apesar de vaca louca. Por quê?

As ações da Minerva (BEEF3) registraram alta de 6,7% no dia. Samy e Dony mostram o que dizem analistas.

Publicado

em

No último sábado, o Ministério da Agricultura informou sobre a ocorrência de dois casos atípicos da doença conhecida como vaca louca em frigoríficos localizados no Mato Grosso e Minas Gerais. A confirmação foi feita pelo laboratório de referência da Organização Mundial de Saúde Animal em Alberta, no Canadá.

Os dois casos atípicos, um em cada estabelecimento, foram detectados durante a inspeção realizada antes do abate dos animais. E como consequência disso, as exportações de carne bovina ficam suspensas temporariamente para a China.

O país asiático é o principal destino da carne brasileira, segundo a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes. No mês de julho foram exportadas mais de 91 mil toneladas do produto, um crescimento de 11% em relação ao mesmo mês de 2020.

Porém, na contramão do que era esperado pelo mercado, as ações da Minerva (BEEF) registraram alta de 6,7% no fechamento do pregão. Já os papéis de JBS (JBSS3) tiveram alta de 3,22%, Marfrig (MRFG3), 2,58% e BRF (BRFS3), 0,88%.

De acordo com analistas, os papéis dos frigoríficos não foram afetados porque a expectativa é que as exportações do Brasil para a China devem ser retomadas em breve por se tratar de casos isolados. Em 2019, por exemplo, os embarques ficaram suspensos por quase duas semanas.

Porém, com essa paralisação de exportação de carnes brasileiras para a China, o país asiático agora conta com ainda menos opções de suprimento de carne bovina. Isso porque outros dois grandes fornecedores da China, como Argentina e Austrália, também tiveram o acesso reduzido ao país asiático.

No Mais InvestNews de hoje, Samy Dana e Dony De Nuccio mostram como a vaca louca pode afetar as exportações assim como o preço da carne no mercado doméstico, e muito mais.

Este conteúdo é de cunho jornalístico e informativo e não deve ser considerado como oferta, recomendação ou orientação de compra ou venda de ativos.

Seja sócio das maiores empresas do Brasil com corretagem ZERO! Invista em Ações

Anúncio Patrocinado Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem! Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem!

O InvestNews é um canal de conteúdo multiplataforma que oferece a cobertura diária de notícias e análises sobre economia, investimentos, finanças, mercado financeiro, educação financeira, projeções, política monetária e econômica. Tudo o que mexe com o seu dinheiro você encontra aqui, com uma linguagem simples e descomplicada sobre o mundo da economia e dos investimentos.