Siga nossas redes

Economia

Quem pode receber o ‘coronavoucher’ de R$ 600?

Auxílio emergencial será pago por 3 meses para autônomos, informais e pessoas que perderam a renda.

Publicado

em

por

Katherine Rivas

Tempo médio de leitura: 3 minutos

Notas de reais

O governo vai pagar o auxílio de R$ 600 por mês para pessoas de baixa renda, desempregados, trabalhadores informais e autônomos para quem estava inscrito no CadÚnico (Cadastro Único para Programas Sociais) até o dia 20 de março.

VEJA MAIS:

O pagamento visa ajudar, por três meses, a sobrevivência de quem ficou sem renda com a economia parada pela pandemia do coronavírus. O socorro emergencial sobe para R$ 1,2 mil mensais para mulheres que chefiam famílias. 

A medida foi aprovada pelo Senado e, dias depois, foi sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro.

Quem não estiver no CadÚnico e tiver direito deve se inscrever por meio de um aplicativo disponibilizado pela Caixa Econômica Federal. Veja como baixar o app

Quem contribui para a Previdência, como autônomo ou como microempreendedor individual (MEI) já teve o nome processado pela Caixa Econômica e está automaticamente apto a receber o benefício emergencial. O mesmo vale para quem recebe o Bolsa Família.

As três parcelas de R$ 600 começarão a ser pagas entre esta quinta-feira (9) e o próximo dia 14 de abril. A última parcela será paga até o dia 29 de maio, segundo o governo.

Entenda o benefício

Para receber o coronavoucher, será necessário reunir os seguintes requisitos: ser maior que 18 anos, não ter emprego formal, não receber nenhum tipo de benefício assistencial ou previdenciário, seguro desemprego ou programas de renda. O Bolsa Família será o único benefício que pode ser acumulado.

A renda mensal dos beneficiados deve ser de até meio salário mínimo (R$ 522) por pessoa ou renda familiar de até três salários mínimos (R$ 3135). É necessário também não ter recebido nenhum rendimento tributável acima do teto de R$ 28.559,70 em 2018.

Quem pode receber

Além dos requisitos básicos é importante se enquadrar em uma das seguintes regras:

  • Ser microempreendedor individual (MEI) ou trabalhador informal
  • Ser contribuinte do Regime Geral de Previdência Social (RGPS)
  • Ser trabalhador informal inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico)
  • Ter cumprido no último mês o requisito de renda familiar ou renda per capita

Ganhe dinheiro com as variações cambiais enquanto seu patrimônio fica protegido. Invista em Dólar!

Anúncio Patrocinado Probabilidades Samy Dana Probabilidades Samy Dana
ANÚNCIO PATROCINADO      Carteira de Dividendos Agosto

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Anúncio Patrocinado Cripto no App Nu