Siga nossas redes

Finanças

Azul fecha em queda de 14% e lidera perdas; só dois papéis terminam em alta

Ações das aéreas, turismo e aviação eram as mais prejudicadas após surgimento de nova variante que derrubou os mercados nesta sexta (26).

Publicado

em

azul
Avião da Azul se prepara para pousar no aeroporto Santos Dumont, Rio de Janeiro 21/1/2019 REUTERS/Sergio Moraes

Em dia de forte queda para o Ibovespa, as ações das companhias aéreas Gol (GOLL4) e Azul (AZUL4) despencaram nesta sexta-feira (26), junto da operadora de turismo CVC (CVCB3) em meio à multiplicação de casos de uma nova variante da Covid-19 no exterior. A Petrobras também recuou impactada pela forte queda no preço do petróleo, mas acumula as principais altas da semana.

Apenas dois dos 91 papéis do Ibovespa subiram no pregão de hoje: a Suzano (SUZB3), exportadora de papel e celulose com receita em dólar, e a empresa de transmissão de energia Taesa (TAEE11).

Autoridades globais reagiram com alarme nesta sexta à nova variante do coronavírus detectada na África do Sul, e União Europeia, Reino Unido e Índia estão entre os que anunciam controles de fronteira mais rigorosos enquanto cientistas tentam determinar se a mutação é resistente a vacinas. Ibovespa operavou com forte desvalorização acompanhando a aversão ao risco no exterior.

Veja abaixo os principais destaques do dia:

Gol, Azul e CVC

As ações das companhias aéreas, turismo e aviação dominaram as maiores quedas do Ibovespa. Os papéis da Azul (AZUL4) fecharam em queda de 14,18%, os da Gol (GOLL4) desabaram 11,81%, e os da CVC (CVCB3) tiveram queda de 11,06%.

Petrobras e PetroRio

A PetroRio (PRIO3) desabou 8,74%, em meio a forte queda do preço do petróleo, para R$ 20,15, e a fabricante de aeronaves brasileira Embraer (EMBR3) recuou 8,41%, a R$ 19,27.

As ações preferenciais da Petrobras (PETR4) desabaram 3,88%, negociadas a R$ 28,47, também pressionadas pela queda da cotação do petróleo.

Localiza e Unidas

As locadoras de veículos Localiza (RENT3) e Unidas (LCAM3) cederam 3,23% e 3,24%, respectivamente. O jornal “Valor Econômico” publicou que Localiza ofereceu a venda da marca Unidas para conseguir aprovação para a compra da rival junto ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Representantes o Cade não se manifestaram de imediato. A Localiza apenas afirmou em comunicado que “a operação está em processo de análise pelo Tribunal do Cade”.

Destaques da semana

Principais quedas

Ativo Variação semanal em %
CASH3-19,90
AZUL4-16,07
MGLU3-13,05

Principais altas

Ativo Variação semanal em %
IGTI1110,80
PETR49,08
PETR37,28

Compre Ações em apenas 3 cliques e aproveite taxa ZERO de corretagem! Invista já

Anúncio Patrocinado Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem! Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem!