Siga nossas redes

Finanças

Ibovespa fecha aos 112 mil pontos; dólar avança, acima de R$ 5,30

Mercado reagiu aos dados do relatório de trabalho dos EUA e seguiu de olho nos acontecimentos da véspera.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 5 minutos

Ações ibovespa
Crédito: Shutterstock

O principal índice de ações da B3, o Ibovespa, encerrou o pregão em alta na tarde desta sexta-feira (04). No dia, investidores ainda reagiram aos acontecimentos da véspera, quando ações norte-americanas derreteram com os resultados da Meta (FBOK34), e monitoraram também os dados do mercado de trabalho dos EUA, divulgado durante a manhã. O dólar, por sua vez, também avançou.

No pregão desta sexta-feira, o Ibovespa subiu 0,49%, aos 112.244 pontos. Já o dólar avançou 0,47%, comercializado a R$ 5,3206.

Cenário externo

Nos Estados Unidos, as principais referências de ações operaram sem direção única, em nova sessão volátil, e caminharam para alta semanal. Dado de emprego nos EUA bem acima da expectativa do mercado impulsionou preocupações com a inflação e fez com que os futuros de ações caíssem mais cedo, com apostas de mais altas de juros pelo Federal Reserve em 2022.

O país registrou criação de 467 mil postos de trabalho fora do setor agrícola em janeiro. A estimativa em pesquisa Reuters com economistas era de abertura de 150 mil postos. Além disso, os dados de dezembro foram revisados para cima, de positivos em 199 mil para 510 mil. Já a taxa de desemprego em janeiro foi de 4,0%, ante 3,9% das projeções.

Cenário interno

A questão dos preços dos combustíveis seguiu no radar, após uma nova Proposta de Emenda à Constituição (PEC) vir à tona. A PEC, apresentada pelo deputado Christino Aureo (PP-RJ), aliado do Palácio do Planalto, permite que União, Estados e municípios possam reduzir ou zerar alíquotas de tributos incidentes sobre combustíveis e gás para enfrentar as consequências da crise da covid-19.

O ministério da Economia estima perda anual de até R$ 54 bilhões para a União caso a proposta se concretize, informou uma fonte da pasta com conhecimento do assunto à Reuters.

A proposta “é bem danosa e restaura preocupações piores do que as observadas anteriormente”, escreveu em comentário Étore Sanchez, economista-chefe da Ativa Investimentos, destacando que a PEC não traz necessidade de compensação e que “a única trava é respeitar as metas anuais de resultado fiscal”.

Destaques da bolsa

Locaweb (LWSA3) teve um dia agitado. Durante o pregão, as ações da companhia operaram entre as maiores baixas, mas conseguiram se recuperar, encerrando com a maior alta do indicador, de 11,33%, para R$ 9,73.

PetroRio (PRIO3) subiu 7,34%, para R$ 24,41, em meio ao avanço do preço do petróleo, que atingiu, nesta sexta-feira, a máxima em sete anos.

Com forte peso no Ibovespa, o papel preferencial da Petrobras (PETR4) avançou 1,75%, para R$ 32,63, enquanto a Vale (VALE3) subiu 2,62%, a R$ 87,98.

  • Saiba mais destaques, assista ao Boletim InvestNews:

Bolsas mundiais

Wall Street

Outra sessão agitada terminou nesta sexta-feira com o índice de tecnologia Nasdaq recuperando grande parte do terreno perdido no pregão anterior, enquanto o balanço positivo da Amazon consolidou uma semana de resultados mistos de grandes empresas de tecnologia.

As ações da Amazon.com Inc deram um salto depois de a companhia relatar números robustos no trimestre de fim de ano. Os balanços de empresas de crescimento com megacapitalização de mercado ditaram os movimentos do mercado nesta semana, conforme investidores buscam dados tangíveis para justificar avaliações altíssimas.

De acordo com dados preliminares, o S&P 500 ganhou 0,50%, para 4.499,81 pontos. O Nasdaq teve alta de 1,56%, para 14.095,37 pontos. O Dow Jones mostrou variação negativa de 0,07%, para 35.087,31 pontos.

Europa

As ações europeias recuaram nesta sexta-feira, com os papéis de automóveis atingindo mínima de um mês diante da perspectiva de testes de emissão mais rigorosos, enquanto o tom mais duro com a inflação do Banco Central Europeu continuou a agitar os mercados.

  • Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,17%, a 7.516,40 pontos.
  • Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 1,75%, a 15.099,56 pontos.
  • Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,77%, a 6.951,38 pontos.
  • Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 1,79%, a 26.603,59 pontos.
  • Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 1,15%, a 8.589,30 pontos.
  • Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,48%, a 5.605,88 pontos.

Ásia e Pacífico

As ações de Hong Kong saltaram nesta sexta-feira para registrar a melhor sessão em duas semanas, com marcas esportivas se destacando diante do início dos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, enquanto os mercados acompanhavam os ganhos em Wall Street depois de três dias de feriado do Ano Novo Lunar.

  • Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,73%, a 27.439 pontos.
  • Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 3,24%, a 24.573 pontos.
  • Em XANGAI, o índice SSEC permaneceu fechado.
  • O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, não teve operações.
  • Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 1,57%, a 2.750 pontos.
  • Em TAIWAN, o índice TAIEX não abriu.
  • Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,47%, a 3.331 pontos.
  • Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,60%, a 7.120 pontos.

Com informações da Reuters

Veja também

ANÚNCIO PATROCINADO Confira

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.