Siga nossas redes

Finanças

Ibovespa diminui ganhos e fecha em alta de 0,98%; Dow Jones e S&P 500 caem

Mercado repercutiu decisão de política monetária nos EUA, além da prévia da inflação de janeiro.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 4 minutos

commodities

O principal índice de ações da B3, o Ibovespa, encerrou a quarta-feira (26) em alta, assim como o dólar, que virou e passou a subir no meio da tarde. Ambos refletiram a divulgação de dados da prévia da inflação e a decisão de política monetária do Federal Reserve, em busca de pistas sobre um possível aumento nos juros já em março deste ano. Tensões geopolíticas envolvendo Rússia e Ucrânia também estiveram no radar.

O Ibovespa, que chegou a subir mais de 2% e atingir a máxima de 112.695 pontos, terminou a terça-feira com um avanço de 0,98%, aos 111.289 pontos, na contramão de indicadores como Dow Jones e S&P 500. Já a o dólar virou e encerrou em alta de 0,14%, a R$ 5,4421.

No Brasil, dados desta manhã mostraram que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15), considerado a prévia da inflação oficial, subiu 0,58% em janeiro, sobre alta de 0,78% no mês anterior. Pesquisa da Reuters com economistas estimava alta de 0,43% para o período.

O Fed, o banco central dos EUA, comunicou sua decisão de política monetária na tarde desta quarta-feira. Em comunicado, autoridades do Fed disseram que esperam começar a reduzir seu balanço de ativos (investimentos em títulos do Tesouro) após o início da alta das taxas de juros.

Ao longo do tempo, o Comitê informou pretender manter uma carteira de títulos em montantes necessários para implementar a política monetária de forma “eficiente e eficaz” em seu amplo regime de reservas.

Petróleo em alta com tensão na Ucrânia

O petróleo subia para US$ 89 o barril nesta quarta-feira, apoiado por uma oferta apertada e tensões geopolíticas na Europa e no Oriente Médio que levantam preocupações sobre mais interrupções.

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, disse na terça-feira que consideraria sanções pessoais ao presidente Vladimir Putin se a Rússia invadir a Ucrânia. Na segunda, o movimento Houthi do Iêmen lançou um ataque com mísseis contra uma base dos Emirados Árabes Unidos.

“A ansiedade sobre possíveis interrupções no fornecimento no Oriente Médio e na Rússia está fornecendo alimento de alta para o mercado de petróleo”, disse Stephen Brennock, da corretora de petróleo PVM.

Destaques da bolsa

Os papéis de petroleira Petrobras (PETR4) e da mineradora Vale (VALE3) apresentaram desempenho positivo em meio aos avanços nos preços das commodities. Outro destaque era o banco BTG Pactual (BPAC11), que subiu depois anunciar a compra da carteira de varejo da corretora Planner. Veja os destaques da bolsa.

Bolsas mundiais

Wall Street

Os principais índices de Wall Street abriram em alta nesta quarta-feira, mas mudaram de rumo após a reunião do Fed.

O índice S&P 500, que abriu em alta, encerrou em queda de 0,15%, a 4,349 pontos. O Dow Jones também virou e fechou com recuo de 0,38%, a 34,168.09.

O índice de tecnologia Nasdaq Composite, que oscilava entre ganhos e perdas depois do anúncio do Fed, terminou o pregão em leve alta de 0,02%, a 13,542 pontos.

Ásia

As ações da China fecharam em alta nesta quarta, com as blue-chips recuperando-se de mínima de 15 meses atingida na sessão anterior, depois que a mídia estatal pediu às instituições financeiras e fundos de pensão que ajudem a estabilizar os mercados.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,72%, enquanto o índice de Xangai teve alta de 0,66%.

  • Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,44%, a 27.011 pontos.
  • Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,19%, a 24.289 pontos.
  • Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,66%, a 3.455 pontos.
  • O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,72%, a 4.712 pontos.
  • Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 0,41%, a 2.709 pontos.
  • Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,15%, a 17.674 pontos.
  • Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,73%, a 3.271 pontos.
  • Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 2,49%, a 6.961 pontos.

Investir em Ações é ainda mais fácil com taxa de corretagem ZERO! Aproveite agora

Anúncio Patrocinado Super Week Temporada de balanços Super Week Temporada de balanços
ANÚNCIO PATROCINADO      Conheça a carteira recomenda de dividendos

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Anúncio Patrocinado Carteira Top 10