Siga nossas redes

Negócios

Cemig vende fatia na Renova Energia por R$ 60 mi

O acordo, celebrado pela subsidiária Cemig Geração e Transmissão também inclui créditos detidos pela empresa de energia contra a Renova.

Publicado

em

por

Tempo médio de leitura: 3 minutos

Logo da Cemig em painel na bolsa de valores de São Paulo (SP)
Logo da Cemig em painel na bolsa de valores de São Paulo (SP) 25/07/2019 REUTERS/Amanda Perobelli

A elétrica estatal mineira Cemig (CMIG4) informou nesta sexta-feira a venda da totalidade de sua participação na Renova Energia (RNEW11), companhia em recuperação judicial, por 60 milhões de reais, conforme fato relevante.

O acordo, celebrado pela subsidiária Cemig Geração e Transmissão com um Fundo de Investimento em Participação administrado pela Angra Partners, também inclui créditos detidos pela empresa de energia contra a Renova.

O contrato também prevê o direito ao recebimento de “earn-out” pela Cemig GT, condicionado a eventos futuros.

Em nota separada, a Renova Energia disse que, com a transação, a Angra Partners passa a deter 30,3% do capital votante da companhia e compartilhará o controle da empresa com os demais acionistas do bloco de controle.

“A Angra Partners já era acionista histórico da Renova, via FIPs, e seu ingresso no controle da companhia reafirma a confiança, a atratividade da companhia e reconhece o sucesso na implementação do processo de recuperação judicial aprovado em dezembro de 2020…”, disse a Renova.

A empresa de renováveis disse ainda que a transação fortalece sua capacidade de planejar e executar a captação de recursos para desenvolvimento de projetos futuros nas áreas de energia eólica e solar.

A Renova disse ainda que a transação ocorre no momento em que a empresa se prepara para iniciar as operações do Parque Eólico Alto Sertão III, Fase A, principal projeto da companhia.

O empreendimento inclui 155 torres de geração de energia eólica, distribuídas em 26 projetos, em seis municípios da Bahia (Caetité, Igaporã, Pindaí, Licínio de Almeida, Riacho de Santana e Guanambi).

Quando estiver em pleno funcionamento, o parque eólico terá capacidade de gerar 432,7 MW, energia suficiente para abastecer entre 900 mil e 1 milhão de residências, de acordo com o padrão Aneel.

Alto Sertão III, Fase A, que é um dos 10 maiores parques de energia eólica da América Latina, tem previsão de estar totalmente em operação até maio de 2022, segundo a empresa.

Além disso, a Renova tem em seu pipeline projetos com potencial de geração de 6 GW de energia em toda região Nordeste e já tem licença ambiental para parques eólicos com potencial de geração de 1.500 MW.

O fechamento e conclusão da operação deve acontecer nos próximos meses após o cumprimento de certas condições previstas nos documentos.

Veja também

  • BB Seguridade, Porto Seguro, Sul America e IRB: qual ação é mais resiliente?
  • CEO da Wiz: novos parceiros vão fortalecer receita após saída da Caixa
  • Quais foram as reações de Azul, JBS e Oi após os balanços?
  • Via no vermelho: veja a opinião de analistas sobre o prejuízo no 3º tri
  • Criptomoedas giram média de R$ 450 por transação no Brasil, diz pesquisa

Investir é mais fácil do que você imagina. Aqui tem o investimento ideal para o seu perfil. Vem pro Nu invest!

Anúncio Patrocinado Super Week Temporada de balanços Super Week Temporada de balanços
ANÚNCIO PATROCINADO      Conheça a carteira recomenda de dividendos

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Anúncio Patrocinado Carteira Top 10